COMANDO GERAL DA POLÍCIA MILITAR RECEBE NO QUARTEL DO DEBY OS PMS MIRINS

quinta-feira, 08 de fevereiro de 2018

Quem conhece? Quem já ouviu falar? Ou melhor, quem já viu fotos dos PMs Mirins se destacando no Carnaval.

Na edição do Carnaval de Olinda de 2015, eles foram alvos de holofotes quando pousaram em fotos com o Soldado Herbert do 9° BPM de Garanhuns-PE, que repercutiu positivamente a nível internacional. E daí em diante foram notícia e recebem até hoje muitos elogios.

Nesta quarta-feira (7), eles foram convidados pelo Comandante Geral da Polícia Militar de Pernambuco, Coronel Vanildo Maranhão Neto, a conhecerem as instalações do Quartel do Derby. E o dia foi ainda mais marcante, para o pequeno Guilherme que estava completando 6 anos de idade e o Gabriel seu irmão, hoje tem 4 anos.

A ação do Comandante da PM, demonstra reconhecimento por aqueles que acreditam no trabalho da Polícia Militar de Pernambuco, e que se fantasiado de Polícia, elevam o nome da Instituição.

Para os PMs Mirins, sua mãe e avó, os Parabéns da população pernambucana e para o Coronel PM Vanildo Maranhão, gratidão pelo reconhecimento desses futuros cidadãos de bem do nosso Estado.

MAIS DE 500 HOMICÍDIOS JÁ FORAM REGISTRADOS NESTE ANO EM PERNAMBUCO

quarta-feira, 07 de fevereiro de 2018

Apesar da promessa do Governo de Pernambuco de reduzir os homicídios, os números não param de subir. Em menos de 40 dias, mais de 500 pessoas foram vítimas de mortes violentas. Os dados, ainda preliminares, fazem parte de um levantamento da Rádio Jornal.

De 1º de janeiro até a madrugada deste quarta-feira, dia 7, pelo menos 517 homicídios foram registrados em Pernambuco. Destes, 265 foram em cidades do Interior. Somente nas últimas 24 horas, 19 pessoas foram mortas, sendo 12 no Interior.

O número é bem acima da média registrada no ano passado, quando cerca de 13 homicídios eram praticados por dia. Uma preocupação a mais para o Governo do Estado, já que nos dias de Carnaval essas estatísticas tendem a aumentar. Oficialmente, a Secretaria de Defesa Social (SDS) só deve se pronunciar no próximo dia 15 sobre os números da violência já registrados neste ano.

INQUÉRITOS ATRASADOS – De acordo com a Polícia Civil, somente três em cada dez inquéritos de homicídios abertos em 2017 foram concluídos.  Ao todo, 5.093 inquéritos de homicídio foram abertos no ano passado para investigar mortes violentas registradas no Estado. Destes, 1.660 foram remetidos à Justiça. Um total de 32,6% de taxa de resolução.

Nesta semana, cerca de 1.200 novos policiais civis e científicos tomaram posse. Uma das primeiras missões será agilizar as investigações de assassinatos. Para isso, parte dos delegados e agentes de Polícia foram lotados no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

VIOLÊNCIA CRESCENTE – Nos três primeiros anos da gestão do governador Paulo Câmara (2015 a 2017), Pernambuco registrou 13.795 assassinatos. Se comparado com o mesmo período do segundo mandato do ex-governador Eduardo Campos (2011 a 2013), quando 9.928 mortes foram contabilizadas, houve aumento de 39%. O ano de 2017 fechou como o mais violento da história.

(Com informações do Ronda JC/JC Online)

SÓ 32% DAS INVESTIGAÇÕES DE HOMICÍDIOS EM PERNAMBUCO FORAM CONCLUÍDAS EM 2017

segunda-feira, 05 de fevereiro de 2018

Apenas três em cada dez investigações de homicídio registradas em 2017 foram concluídas

Uma das primeiras missões dos 1,2 mil novos policiais civis e científicos que tomam posse nesta segunda-feira (05) será agilizar as investigações de homicídios em Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, somente três em cada dez inquéritos abertos em 2017 foram concluídos. Apesar de ser abaixo do esperado, o órgão afirma que esse resultado está acima da média nacional.

Ao todo, 5.093 inquéritos de homicídio foram abertos no ano passado para investigar as 5.427 mortes violentas registradas no Estado. A Polícia Civil explica que há divergências entre os números porque algumas das investigações abertas apuram mais de um homicídio.

Até o início deste ano, 1.660 inquéritos referentes aos crimes praticados em 2017 foram remetidos à Justiça. Um total de 32,6% de taxa de resolução. Em termos comparativos, uma pesquisa do Instituto Sou da Paz, publicada em novembro do ano passado, aponta que estados como São Paulo e Mato Grosso do Sul apresentam índices melhores. O primeiro consegue solucionar, em média, 38%. O segundo, 55,2%.

As estatísticas foram obtidas via lei de acesso à informação. O Ronda JC havia solicitado a mesma demanda desde dezembro do ano passado à assessoria de imprensa da Polícia Civil, mas não teve resposta.

Para o presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol), Áureo Cisneiros, a baixa taxa de resolução de inquéritos tem relação direta com a falta de profissionais voltados para esse tipo de investigação. “Nos últimos anos, as equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa diminuíram em 60%. Antes eram 21 delegados, agora são cerca de sete. Além disso, há sobrecarga de trabalho e os policiais não conseguem dar conta. Eles estão adoecendo com tanta cobrança”, disse.

Já o presidente da Associação dos Delegados de Polícia do Estado, Francisco Rodrigues, reconheceu que o problema é nacional e já dura pelo menos três décadas, com a escalada da violência e falta de efetivo policial suficiente. “Com a chegada dos novos policiais, vamos aumentar a produção e a taxa tende a melhorar”, pontuou.

Em nota, a assessoria da PCPE informou que “a meta é esclarecer todos os Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI) e retirar de circulação os homicidas envolvidos. Em 2017, foram presos, pelas polícias pernambucanas, 2.249 suspeitos de cometer assassinatos”. Disse ainda que “a taxa de resolução de inquéritos, com autoria definida, chega a ser quatro vezes maior que a média nacional, o que demonstra o compromisso dos que fazem a corporação com a população”.

Nos três primeiros anos da gestão do governador Paulo Câmara (2015 a 2017), Pernambuco registrou 13.795 homicídios. Se comparado com o mesmo período do segundo mandato do ex-governador Eduardo Campos (2011 a 2013), quando 9.928 mortes foram contabilizadas, houve aumento de 39% nos assassinatos. O ano de 2017 fechou como o mais violento da história.

Os novos policiais começam a exercer suas funções na próxima sexta-feira. São 822 policiais civis (139 delegados, 597 agentes e 86 escrivães) e 392 científicos (125 peritos criminais, 44 papiloscopistas, 123 auxiliares de peritos, 36 médicos legistas e 64 auxiliares).

PERFIL DAS VÍTIMAS

Levantamento da Secretaria de Defesa Social, divulgado pelo Ronda JC na semana passada, apontou que 95% dos homicídios registrados no Estado têm como vítimas negros e pardos. Para especialistas, esse resultado não é surpresa e demonstra a desigualdade, com ausência de políticas públicas, que persiste na sociedade.

Para o Ministério Público de Pernambuco, a pesquisa aponta uma omissão das instituições em relação aos negros. “Existe, inclusive, uma má vontade do Estado de fazer esse recorte nas estatísticas. E, quando as vítimas são negras, a polícia não se empenha em fazer investigação e não identifica os autores dos crimes, porque a vida daquelas pessoas não tem muito valor. Há uma indiferença das instituições. A realidade é que não há políticas para desconstruir ou minimizar isso”, afirmou a procuradora de Justiça Maria Bernadete Figueiroa. A Polícia Civil afirma que todos os homicídios são investigados com o mesmo empenho.

(Com informações do Rodas JC)

POLÍCIA FEDERAL ASSUME AS INVESTIGAÇÕES DO ACIDENTE ENVOLVENDO HELICÓPTERO QUE PRESTAVA SERVIÇO A REDE GLOBO DE TELEVISÃO, EM RECIFE

sexta-feira, 02 de fevereiro de 2018

Tendo em vista o incidente aéreo ocorrido com o helicóptero (Robson R44/II, prefixo PP-HLI Newscopter – Aeronave específica para filmagem aérea) da empresa HELISAE que presta serviço à Rede Globo de Televisão e que aconteceu no dia 23/01/2018, por volta das 6:15h, (depois da aeronave ter saído do Hangar do Aeroporto Internacional dos Guararapes às 5:50h) caindo no mar, perto de algumas pedras na praia do Pina-Recife/PE, o qual tinha como tripulação três pessoas: DANIEL CAVALCANTI FIGUEIRA GALVÃO, 36 anos – piloto e comandante da aeronave, LIA MARIA ABREU DE SOUZA, 34 anos, 1º Sargento da Aeronáutica e controladora de voo do CINDACTA III e MIGUEL BRENDO PONTE SIMÕES, 21 anos, operador de sistemas de captação, gravação e transmissão de imagens – todos mortos no fatídico acidente.

A POLÍCIA FEDERAL INFORMA O SEGUINTE: que já foi instaurado o respectivo inquérito policial no dia 23.01.2017, e, que no dia do acidente, policiais e peritos federais do SETEC-Setor Técnico e Científico estiveram no local e acompanharam toda a situação em que ocorreu o incidente fazendo anotações, registros fotográficos, conversando com todos os órgãos envolvidos na elucidação dos fatos, os quais levaram à queda do helicóptero, bem como do resgate dos corpos e dos destroços.

A Polícia Federal entra no caso em virtude de interesse da União e do dispositivo constitucional contido no artigo 109, inciso IX o qual confere competência a Justiça Federal para processar e julgar crimes cometidos a bordo de aeronaves; As investigações visam apurar a suposta pratica do delito contido no Código Penal em seus artigos 261, § 1º (atentado contra a segurança de transporte aéreo, com queda e destruição de aeronave) e artigo 121 (homicídio) sem prejuízo de outros porventura identificados no decorrer das investigações.

DENTRE AS PROVIDÊNCIAS JÁ ADOTADAS ESTÃO VÁRIAS SOLICITAÇÕES TAIS COMO:

1. SETEC-SETOR TÉCNICO E CIENTÍFICO DA POLÍCIA FEDERAL: Realização de Laudo de Exame de Local e demais diligências e exames necessários ao esclarecimento dos motivos que provocaram o acidente aéreo;
2. NÚCLEO DE OPERAÇÕES DA POLÍCIA FEDERAL: Realização de diligencias com o objetivo de localizar residências e comércios na região que porventura tenham equipamentos de vigilância que possam ter registrado o acidente aéreo e intimação de cinco populares que presenciaram ou estiveram no local e socorreram algumas vítimas, imediatamente após o acidente;
3. SERIPA/RECIFE-(SERVIÇO REGIONAL DE INVESTIGAÇÃO E PREVENÇÃO DE ACIDENTES AERONÁUTICOS): Participação da Policia Federal quando da realização de algum ato de investigação ou perícia que possa significar destruição ou impossibilidade de reexame sob qualquer destroço ou elemento coletado no local de crime;
4. ANAC-AGÊNCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL: Dados sobre a aeronave, suas inspeções anuais de manutenção (IAMs), dados sobre o piloto (habilitação, saúde, histórico de exames práticos realizados para o helicóptero Robinson R-44 II); Informações sobre a regularidade e as condições técnicas e operacionais da empresa HELISAE; Regularidade da(s) respectiva(s) oficina(s) de manutenção e o encaminhamento, ao final dos trabalhos;
5. HELISAE: Todas as informações disponíveis sobre a aeronave, notadamente manutenção, dados e documentos do piloto e o plano de voo; Condições de aero navegabilidade do avião; As manutenções, inspeções e revisões gerais realizadas na citada aeronave com a discriminação das respectivas datas, das oficinas e mecânicos responsáveis: A quantidade e a qualidade do combustível utilizado para abastecer a aeronave no dia do acidente e se houve prévia realização de teste de amostragem; A quantidade de carga levada pela aeronave no dia do acidente; A validade dos certificados de habilitação técnica e de capacidade física dos pilotos e suas jornadas de trabalho com a discriminação das horas voadas nos últimos 30 dias anteriores ao acidente e do período de descanso desde o voo anterior; Relação de todos os sócios e empregados da empresa aéreas, com os respectivos dados cadastrais;
6. DECEA (DEPARTAMENTO DE CONTROLE DO ESPAÇO AÉREO DO COMANDO DA AERONÁUTICA): Dados documentais (plano/notificação de voo) e de registro em sistemas de radares, bem como nos sistemas de rádio-comunicação, do voo e das comunicações da aeronave na ocasião do sinistro, bem como eventuais dados de meteorologia disponíveis;
7. IML – INSTITUTO DE MEDICINA LEGAL: Informação sobre a causa da morte das vítimas do acidente aéreo e encaminhamento dos respectivos laudos tanatoscópicos;
8. POLÍCIA CIVIL – A Polícia Civil já confirmou sua saída do caso e providenciou o repasse de todas as providencias já adotadas em sua investigação para a Polícia Federal – tais procedimentos serão analisados e já foram adicionados ao inquérito policial em curso.

Por fim a Polícia Federal se solidariza com a dor e o sofrimento das famílias das vítimas neste trágico acidente e esclarece que casos como esse em virtude de depender de várias análises periciais e de informações técnicas de diversos órgãos envolvidos, demanda-se bastante tempo para se fazer uma análise aprofundada sobre as possíveis causas que ocasionaram a queda da aeronave, bem como atribuir responsabilidades a possíveis culpados. Todas as ações promovidas pela Polícia Federal visam promover uma avaliação pormenorizada de toda a situação e espera respostas de algumas solicitações técnicas já feitas, para daí então, poder traçar uma linha de investigação coerente e ouvir todas as pessoas e representantes dos órgãos envolvidos.

Informações adicionais serão passadas posteriormente, caso a Polícia Federal entenda ser relevante para conhecimento público.

Fonte: Polícia Federal

MULHER MORRE E 12 PESSOAS FICAM FERIDAS EM BATIDA ENTRE ÔNIBUS E CARRETA EM SÃO BENEDITO DO SUL

quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

Todas as ambulâncias do município foram usadas no socorro das vítimas. Passageiros mais graves foram levados para os hospitais em Palmares e no Recife.

Uma mulher morreu e 12 pessoas ficaram feridas em um acidente na tarde desta quarta-feira (31) na PE-126, em São Benedito do Sul, na Mata Sul de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, um ônibus e uma carreta se chocaram e tombaram na rodovia.

A Secretaria de Transporte de São Benedito do Sul informou que das 12 pessoas, uma criança e três adultos ficaram gravemente feridos. Todas as ambulâncias do município foram usadas no socorro das vítimas.

(Com informações do G1)

USUÁRIO DE DROGA É PRESO PELA PF APÓS COMPRAR HAXIXE PELO FACEBOOK

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

A Polícia Federal em Pernambuco/PE através da Delegacia de Repressão a Drogas-DRE prendeu no final da tarde de ontem, dia 29/01/2018, por volta das 17h, um estudante universitário, brasileiro, solteiro, 24 anos, natural de Recife/PE e residente no bairro da Boa Vista-Recife/PE– (não possui antecedentes criminais).

A prisão aconteceu em virtude de investigações realizadas pela Delegacia de Repressão a Entorpecentes-DRE através das redes sociais que em determinadas ocasiões são utilizadas para o tráfico de drogas e consequente envio do material entorpecentes através dos correios. Foi detectada um envio de uma encomenda oriunda do Rio de Janeiro/RJ para o bairro da Boa Vista-Recife-PE, suspeita de conter droga em seu interior. A ação teve seu desfecho final quando a entrega da droga ao destinatário foi acompanhada por policiais federais e quando o suspeito recebeu a encomenda foi de pronto abordado que ainda tentou se livrar do envelope arremessando-o nos fundos de sua residência.

O envelope foi encontrado e ao ser aberto foi encontrado 04 tabletes de haxixe que totalizou um peso bruto de aproximadamente 200 gramas. Terminado os trabalhos investigativos e tendo sido a droga arrecadada, o suspeito foi detido e levado para a Sede da Polícia Federal no Cais do Apolo no Bairro do Recife Antigo, onde, após ter sido informado dos seus direitos e garantias constitucionais acabou sendo autuado através de um Termo Circunstanciado de Ocorrência-TCO pelo crime contido no artigo 28 da Lei nº 11.343/2006 (adquirir droga para consumo em desacordo com a legislação) as penas variam de advertência sobre os efeitos das drogas, prestação de serviços à comunidade e medida educativa de comparecimento à programa ou curso educativo. Após a autuação, o conduzido assinou um termo de compromisso de comparecimento à Justiça, realizou Exame de Corpo de Delito no IML – Instituto de Medicina Legal e em seguida foi liberado, onde responderá pelo crime em liberdade.

Em seu depoimento o estudante informou que é usuário de drogas, largou a Faculdade de Engenharia Civil há 02 anos e que hoje trabalha com manutenção de aparelhos celulares. Disse também que pagou pela droga R$ 1.000 (mil reais) e que todo o processo de compra aconteceu pelo facebook. As investigações vão prosseguir no sentido de identificar e prender o traficante que está vendendo o haxixe através das redes sociais. A Polícia Federal possui policiais capacitados e ferramentas específicas que investiga crimes cometidos na internet, os quais são de sua competência.

O Haxixe (resina extraída de maconha que possui uma alta concentração de THC, princípio ativo da maconha que responsável por produzir o efeito alucinógeno) não é produzido no Brasil. O haxixe consiste no produto extraído, em forma de resina, das flores e frutos da Maconha. No Brasil, o percentual de pessoas que consomem o haxixe é o mesmo da maconha. Porém, por ser um pouco mais forte, ele é mais consumido por quem já utiliza a maconha há algum tempo.

Fonte: Polícia Federal

POLÍCIA MILITAR PRENDEM DOIS SUSPEITOS QUE TENTAVAM FURTAR A AGÊNCIA DOS CORREIOS DE AMARAJI/PE

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

A Polícia Federal em Pernambuco procedeu a autuação em flagrante de dois suspeitos presos por Policiais Militares lotados no 21º BPM-(Vitória de Santo Antão-PE) de nomes: EMERSON GOMES DA SILVA- 39 anos, pizzaiolo, residente na UR-10, bairro do Ibura-Recife/PE- (possui antecedentes criminais já foi preso três vezes e cumpriu pena por furto, sendo que em uma das ações que estava presente morreram em confronto com a polícia 4 criminosos na cidade de Buenos Aires/PE em 11/07/2016 numa investida ao Banco do Brasil) e YURI CARDOSO DA SILVA – 18 anos, estudante, residente na UR-02, bairro do Ibura-Recife/PE-(não possui antecedentes criminais).

As prisões aconteceram por volta das 3:30h na madrugada do dia 27/01/2018, quando policiais militares lotados no 21º BPM-(Vitória de Santo Antão-PE), receberam a informação de que estaria havendo um arrombamento e consequente roubo na agência dos Correios de Amaraji/PE que fica situada na Rua Jorge Coelho da Silveira, nº 135, distante 72Km de Recife/PE. De posse dessas informações foi montada uma equipe de policiais militares que se deslocaram até o local com vistas a identificar e prender os possíveis suspeitos. A ação teve seu desfecho final quando ao chegar no local os bandidos que estavam em número de quatro perceberam a presença dos policiais, o que possibilitou a fuga de dois deles num veículo (ainda não identificado). Porém, dois criminosos que ainda estavam dentro da agência foram presos imediatamente pelos militares. Os bandidos tiveram acesso ao interior da agência arrombando a grade de ferro e o vidro da janela lateral onde tentaram abrir o cofre, porém, não obtiveram êxito.

Após uma busca no interior da agência verificou-se que os dois bandidos que empreenderam fuga conseguiram roubar a arma do vigilante (um revólver calibre 38) e deixaram para trás instrumentos utilizados para o roubo como 02 barras de ferro e 02 chaves de fenda. Também foi aprendido um aparelho celular. Ao tomar conhecimento dos fatos a Polícia Federal deslocou uma equipe para o local, no intuito de realizar as primeiras investigações e perícias, testemunhas foram ouvidas, imagens de circuito interno foram conseguidas afim de que possam subsidiar as investigações que estão em andamento e inquérito policial já foi instaurado. As investigações vão prosseguir, no sentido de identificar, localizar e prender os outros integrantes desta quadrilha de criminosos que empreenderam fuga. Qualquer informação que possa levar a captura e identificação de toda a quadrilha pode ser feita através do disk-denúncia pelo número 3421-9595 que terá sua identificação, sigilo e anonimato preservados.

Terminado os trabalhos ostensivos e tendo sido arrecadados os objetos do crime, os suspeitos receberam voz de prisão em flagrante e foram levados para a Sede da Polícia Federal no Cais do Apolo no Bairro do Recife Antigo, onde, após ter sido informado dos seus direitos e garantias constitucionais acabaram sendo autuados em flagrante pelo crime contido nos artigos, 155 § 4º, inciso IV e Artigo 14 inciso II e artigo 69 do Código Penal Brasileiro (furto qualificado mediante concurso de duas ou mais pessoas) e caso sejam condenados poderão pegar penas que variam de 2 a 10 anos de reclusão, além de multa! Após a autuação, os presos realizaram Exame de Corpo de Delito no IML – Instituto de Medicina Legal e em seguida foram encaminhados para a audiência de custódia onde foi CONFIRMADA SUA PRISÃO PREVENTIVA e agora estão no COTEL-Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna, onde ficarão à disposição da Justiça Federal/PE.

Em seu interrogatório os presos confirmaram a participação no crime, mas não deram maiores detalhes sobre os outros integrantes da quadrilha. A agência atende aos requisitos de segurança possuindo porta detectora de metais, câmeras de circuito interno, aparelho de retardo no cofre que só abre em horário pré-programado, vigilantes e anteparo blindado.

JOVEM É ASSASSINADO EM ÁGUA PRETA

sábado, 27 de janeiro de 2018

Cinco homens armados assassinaram um jovem na tarde desta sexta-feira (26), em Água Preta, na Mata Sul de Pernambuco.

Rosenildo Gomes Lopes, de 19 anos, estava na porta do estabelecimento comercial do pai, quando os assassinos chegaram em um veículo Gol, cor branca, quatro desembarcaram e passaram a efetuar disparos contra a vítima que não resistiu.

Após o crime os elementos fugiram em alta velocidade, o pai da vítima estava dentro do estabelecimento e se escondeu com medo de ser assassinado. Rosenildo já havia cumprido pena por assalto e estava em liberdade a alguns meses. A Polícia Civil encaminhou o corpo para o Instituto de Medicina Legal, o caso continua sendo investigado.

JOVEM É ASSASSINADO POR DUPLA EM MOTO

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

Um jovem foi assassinado no fim da tarde desta terça-feira (23), no município de Gameleira, na Mata Sul de Pernambuco.

A vítima Leandro Gomes da Silva, de 25 anos, estava na Rua Seis de Março, quando dois elementos em uma moto chegaram e efetuaram disparos de arma de fogo em sua direção, Leandro correu mais foi perseguido pela dupla que continuaram atirando e alvejaram ele na cabeça e tórax.

Pelo menos cinco tiros atingiram a vítima que caiu em uma monte de areia, na cena do crime curiosos não deram qualquer tipo de informação que possa ajudar a polícia a elucidar o crime, o corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal, a Polícia Civil continua investigando o caso.

CORPO DE MULHER É ENCONTRADO ÀS MARGENS DO RIO UNA EM ENGENHO DE PALMARES

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

O corpo de uma mulher ainda não identificada foi encontrado na terça-feira (23) em Palmares, na Mata Sul de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, a vítima estava às margens do rio Una, no engenho Bom Destino.

Ainda segundo a PM, a mulher estava com um ferimento no peito. Não foi informado como ela foi ferida. O corpo foi levado o Instituto de Medicina Legal (IML). O caso será investigado pela Polícia Civil.

(Com informações do G1)