POLÍCIA ERRADICA MAIS 538 PÉS DE MACONHA NO SERTÃO PERNAMBUCANO

segunda-feira, 13 de julho de 2020

A Polícia Federal, em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal, deflagrou entre os dias 22 de junho e 12 de julho, uma operação policial denominada MUÇAMBÊ III. A ação teve como objetivo a repressão ao cultivo ilícito de maconha (Cannabis sativa) em cidades do sertão pernambucano, que foram nas zonas rurais dos municípios de Salgueiro, Parnamirim, Dormentes, Cabrobó, Belém do São Francisco, Orocó, Carnaubeira da Penha, Floresta e Betânia. Ao todo, foram erradicadas dezenas de roças de cultivo da droga sendo incinerados 538.853 pés de maconha, que equivale a cerca de 180 toneladas da droga que seriam comercializadas ilicitamente em vários estados do País. A operação também contou com o apoio e participação da Secretária de Defesa Social do Estado de Pernambuco (SDS/PE), no que participaram da operação bombeiros militares, policiais militares e civis, além de colaboradores eventuais.

A ação foi dividida em duas etapas. Do dia 22 a 01 de julho, foram realizados trabalhos de inteligência e levantamentos de pontos onde estavam as roças de cultivo ilícito. Para isso, equipes policiais se deslocaram pela região com auxílio de imagens de satélite, utilizando veículos 4×4, GPS e drones de alta tecnologia, capturando coordenadas geográficas dos locais.A partir do dia 02 de julho, foram iniciados os trabalhos de logística e operações. Para realização desta fase, foram montadas três frentes de atuação, sendo uma por terra, com veículos 4×4 capazes de enfrentar terrenos de difícil acesso, outra por água, já que grande parte dos plantios são realizados em ilhas do Rio São Francisco, fazendo-se necessária a utilização de barcos para se chegar até esses pontos, e a última por ar, com o uso de helicópteros, capazes de conduzir os policiais até pontos próximos a plantios que ficam em lugares de acesso irregular como montanhas e terras menos trafegáveis.

Para o êxito da operação MUÇAMBÊ III, a Polícia Federal empregou três helicópteros da Coordenação de Aviação Operacional da PF (CAOP), sendo um AW139 e dois Esquilos, 20 pick- ups 4×4, três vans, três botes infláveis com motores de 40HP para águas de baixa profundidade, um caminhão de apoio, um caminhão tanque de combustível com capacidade para 15 mil litros e três drones, além um efetivo de 86 policiais federais e seis agentes administrativos. A Polícia Rodoviária Federal integrou a ação com um helicóptero “Bell 407”, nove viaturas operacionais, uma unidade móvel de pronto atendimento (ambulância) e um efetivo de 38 policiais rodoviários federais que atuaram conjuntamente por todas as frentes de ação. As outras forças de segurança pública contribuíram com o efetivo de seis policiais militares, cinco bombeiros militares e dois policiais civis. Também deram apoio aos trabalhos, 40 colaboradores eventuais sendo paramédicos, trabalhadores de roça, dentre outros.

O ciclo produtivo da cannabis é acompanhado de perto pelo serviço de inteligência da Polícia Federal, e ao se aproximar do período da colheita, novas ações são realizadas, coibindo assim a secagem e a consequente introdução no mercado consumidor (pontos de vendas de drogas).As constantes operações policiais de erradicação de maconha na região não têm dado tempo aos traficantes locais para produzirem a droga em seu pleno desenvolvimento. Isso tem aumentado a importação da droga advinda do Paraguai e de outros países vizinhos, já que o sertão de Pernambuco deixou de ser o principal fornecedor da droga.

A Polícia Federal, através da Delegacia de Repressão a Drogas (DRE/DRCOR/SR/PF/PE) e sua Delegacia em Salgueiro/PE, vem promovendo ações de identificação e erradicação de plantios de maconha no sertão pernambucano há vários anos. Tais medidas fazem parte das estratégias adotadas pela Coordenação-Geral de Prevenção e Repressão a Drogas – CGPRE, Órgão Central da Polícia Federal em Brasília/DF, com o objetivo de reduzir a produção e oferta de maconha no sertão Pernambucano.Estima-se que desde meados de 1976, a região sofre com o tráfico de drogas. Nessa época, as operações contavam com pouca estrutura e os policiais encontravam grandes dificuldades para realizar um trabalho mais efetivo. Com a inauguração da Delegacia de Polícia Federal de Salgueiro, em 20/03/2000, os trabalhos no combate ao cultivo ilícito da maconha ganharam novo fôlego. Essa efetividade foi comprovada com o saldo dos trabalhos naquele mesmo ano, que chegou ao incrível número de 3.848.093 (três milhões, oitocentos e quarenta e oito mil e noventa e três) pés de maconha erradicados.
O tráfico de drogas na região acaba atraindo para moradores locais vários problemas como assaltos, furtos, homicídios, assassinatos, acertos de contas, dentre outros crimes, pois geralmente essas ocorrências giram em torno desta atividade ilícita. Cada ponto de venda de droga desabastecido, significa um foco a menos de violência.Muçambê é um pequeno arbusto da família das Caparidáceas provido de espinhos nos pecíolos das folhas, ocorrendo nas caatingas dos estados do nordeste.

Saldo das primeiras fases da operação Muçambê:

1ª FASE (FEVEREIRO/2020) FORAM ERRADICADOS E INCINERADOS:
56 ROÇAS
102.718 PÉS DE MACONHA (APROXIMADAMENTE 34 TONELADAS)
30.015 MUDAS
3 KG SEMENTES
1.123KG DE MACONHA PRONTA PARA CONSUMO.

2ª FASE (ABRIL E MAIO/2020): FORAM ERRADICADOS E INCINERADOS:
61 ROÇAS
295.647 PÉS DE MACONHA (APROXIMADAMENTE 98 TONELADAS)
13 SEMENTEIRAS DE MACONHA (LOCAL DESTINADO À GERMINAÇÃO DAS SEMENTES).
44.270MUDAS DE MACONHA.
803,6 KG DE MACONHA PRONTA PARA CONSUMO.

EFETUADA 1 PRISÃO EM FLAGRANTE NA ZONA RURAL DE SALGUEIRO/PE

3ª FASE (JUNHO E JULHO/2020): FORAM ERRADICADOS E INCINERADOS:
179 ROÇAS
538.853 PÉS DE MACONHA (APROXIMADAMENTE 180 TONELADAS)
74 SEMENTEIRAS DE MACONHA (LOCAL DESTINADO À GERMINAÇÃO DAS SEMENTES). 49.791 MUDAS DE MACONHA.
399,2 KG DE MACONHA PRONTA PARA CONSUMO.

Fonte: Polícia Federal

POLÍCIA RECAPTURA PARTE DOS PRESOS QUE FUGIRAM DO PRESÍDIO DE LIMOEIRO

sexta-feira, 10 de julho de 2020

A Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) informou, no fim da tarde desta quinta-feira (9), que quatro dos 27 presos que escaparam da Penitenciária Doutor Ênio Pessoa Guerra, em Limoeiro, Agreste de Pernambuco, nesta madrugada, foram recapturados. O grupo estava escondido na zona rural de Cedro, no Sertão do Estado, distante aproximadamente 520 quilômetros do local da fuga.

De acordo com a Seres, também foram presos duas mulheres e um homem que estariam acobertando os fugitivos. Os recapturados foram identificados como Flavio Manoel dos Santos, Juriatan Araujo da Silva, Washington Lopes dos Santos e Welik Soares da Silva. Ainda não há informações sobre o paradeiro de Jerry Adriani Gomes da Silva, conhecido como Nego de Lídio, um dos homicidas mais procurados de Pernambuco. Tropas especiais da Polícia Militar seguem com as buscas.

Leia a nota da Seres sobre a recaptura

A Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres) informa que, na tarde desta quinta (09.07), foram recapturados quatro dos 27 detentos que fugiram da Penitenciária Doutor Ênio Pessoa Guerra (PDEPG), em Limoeiro, na madrugada de hoje (quinta).

A localização dos fugitivos, que ocorreu na zona rural do município de Cedro, contou com informações da Gerência de Inteligência e Segurança Orgânica (Giso/Seres). A equipe de policiais penais da penitenciária também estava na região no momento da prisão. Juntamente com os quatro fugitivos da PDEPG, foram presos duas mulheres e um homem que dariam cobertura aos demais.

A evasão se deu por volta das 4h, através da explosão de um dos muros da unidade prisional. Tropas especiais da Polícia Militar seguem com as buscas. Na ação da madrugada não houve policiais penais feridos e uma sindicância administrativa foi aberta para apurar as circunstâncias em que o caso ocorreu.

Fuga do presídio de Limoeiro

 Vinte e sete detentos fugiram da Penitenciária Doutor Ênio Pessoa Guerra, na madrugada desta quinta-feira (9). Entre eles está Jerry Adriani Gomes da Silva, mais conhecido como Nego de Lídio, um dos maiores assaltantes de carro forte e homicidas de Pernambuco. Homens que chegaram em um carro, por volta das 3h30, usaram explosivo para abrir um buraco no muro da unidade e metralharam a guarita. O secretário de Justiça do Estado, Pedro Eurico, considerou a ação como “a mais ousada nos últimos 10 anos”.

ALERTA POLÍCIA FEDERAL: NOVO GOLPE DO WHATSAPP PROMETE UM FRIGOBAR DE GRAÇA

segunda-feira, 06 de julho de 2020

A Polícia Federal alerta para um novo golpe no WhatsApp que promete um frigobar totalmente de graça usando falsamente o nome de uma grande empresa de refrigerantes (coca-cola). O link que tem domínio registrado na Rússia (http://shorturI.ru/cocacola/) está sendo enviado para as contas do whatsapp e começou a circular no início da semana passada. Não é a primeira vez que a coca-cola é vítima de cibercriminosos que utilizam falsas promoções para enganar as pessoas. Já se ofertou: bolsas térmicas de brindes, prêmios da copa e até mesmo promessas de emprego. É bastante comum que os cibercriminosos se aproveitem de períodos e situações específicas, como épocas festivas, promoções feitas por empresas e grandes lojas, liberação por parte do governo de vantagem financeira ou até a situação que envolvam calamidades para criar e aplicar golpes financeiros com temáticas personalizadas.

O GOLPE AVISA QUE PARA GANHAR UM FRIGOBAR BASTA APENAS RESPONDER A TRÊS PERGUNTAS E COMPARTILHAR AO FINAL COM OS SEUS CONTATOS:

QUAL A COCA-COLA PREFERE? NORMAL OU LIGHT

ONDE IRÁ COLOCAR SEU FRIGOBAR: COZINHA OU QUARTO?

QUAL DESSAS BEBIDAS É A SUA PREFERIDA? COCA-COLA OU PEPSI

Depois da vítima ter respondido as três perguntas aparece uma mensagem informando que a pessoa ganhou o frigobar e para envio do produto basta apenas compartilhar o link malicioso com os seus contatos telefônicos até completar a barra de preenchimento para que o produto seja entregue em até 4 dias. O problema é que quando a barra de preenchimento for finalizada, o celular ou computador das pessoas são infectados com programas maliciosos que vão desde capturar informações pessoais como fotos, vídeos, mensagens, dados pessoais, números de contas bancárias, cartões de crédito, senhas, clonagem e bloqueio do aparelho que só é liberado por um código fornecido pelos bandidos após a vítima fazer um depósito em moeda virtual – bitcoin – difícil de ser rastreada.

ESSE CASO É DE COMPETÊNCIA DA POLÍCIA CIVIL E QUEM TIVER SIDO LESADO FINANCEIRAMENTE DEVE PROCURAR IMEDIATAMENTE UMA DELEGACIA MAIS PRÓXIMA DE SUA RESIDÊNCIA PARA PRESTAR UM BOLETIM DE OCORRENCIA POLICIAL – A FIM DE QUE TAIS CRIMINOSOS POSSSAM SER IDENTIFICADOS E PRESOS.

CASO O CELULAR TENHA SIDO INVADIDO POR PROGRAMAS MALICIOSO SEUS DADOS PESSOAIS ESTÃO FRAGILIZADOS E SUA VIDA FINANCEIRA ESTÁ CORRENDO RISCOS – POR ISSO SE FAZ NECESSÁRIO A ANÁLISE POR PARTE DE UMA ESPECIALISTA EM INFORMÁTICA PARA QUE MEDIDAS DE SEGURANÇA SEJAM ADOTADAS.

COMO SE PROTEGER:

1.     Ao receber uma mensagem deste tipo, desconfie sempre antes de clicar nos links compartilhados no WhatsApp ou nas redes sociais, melhor apagar.

2.     Não compartilhe links duvidosos com seus contatos sem antes saber se são autênticos – você pode estar sendo usado por bandidos para espalhar o golpe e prejudicar outras pessoas, inclusive seus parentes.

3.     Cuidado com o imediatismo de mensagens tais como: último dia, promoção vai até hoje! Urgente, não perca essa oportunidade, quase sempre tais conteúdos querem fazer com que as pessoas não pesquisem a veracidade da promoção na página da empresa ou órgãos oficiais.

4.     Certifique-se no site oficial da empresa sobre o está sendo oferecido, principalmente quando se tratar de supostas promoções, ofertas de dinheiro, brindes, descontos ou até promessas de emprego. Nesse caso, não existe essa promoção no site da empresa que já esclareceu e alertou que são falsas as informações do link acerca da distribuição gratuita de um frigobar

5.     Nunca preencha nenhum cadastro, formulário ou pesquisa fornecendo seus dados financeiros ou pessoais através de links enviados pelo WhatsApp, tais como: senha de bancos, cartão de crédito, conta corrente, benefícios, dentre outros.

6.     Ao entrar em qualquer página verifique se existe um cadeado cinza no canto superior esquerdo da página – isso atesta que sua conexão não foi interceptada e que o site está criptografado para impedir golpes.

7.     Links que levem direito ao cadastro tem que haver o HTTPS onde o “S” corresponde a uma camada extra de segurança;

8.     Não marque nenhum agendamento para que pessoas compareçam em sua residência sob o pretexto de fazer uma consulta presencial, bandidos podem se aproveitar dessa situação para se passar agentes de saúde e realizar assaltos.

9.     Nunca baixe programas piratas para o celular ou computador, tais sites costumam ter a maior concentração de vírus;

10.    Instale um bom antivírus em seu celular ou computador e tenha o sistema operacional do seu celular e computador atualizados.

Fonte: Polícia Federal

SANCIONADA A LEI QUE OBRIGA O USO DE MÁSCARAS EM TODO TERRITÓRIO NACIONAL

sexta-feira, 03 de julho de 2020

Entidades públicas e particulares o uso é facultativo

Foi sancionada nesta quinta-feira (2), com vários vetos, a lei que disciplina o uso de máscara facial em espaços públicos em todo o território nacional. A Lei 14.019/2020 foi publicada na edição do Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (3).

⠀O presidente Jair Bolsonaro, porém, vetou a obrigatoriedade do uso da máscara de proteção individual em órgãos e entidades públicas e em estabelecimentos comerciais, industriais, templos religiosos, instituições de ensino e demais locais fechados em que haja reunião de pessoas. Ao justificar os vetos, o Planalto alega, entre outras razões, que a obrigatoriedade “incorre em possível violação de domicílio”.

⠀Pelo texto sancionado, os estabelecimentos também não serão obrigados a fornecer máscaras gratuitamente aos funcionários, e o poder público não será obrigado a fornecer o material à população vulnerável economicamente, conforme previsto pelo projeto que deu origem à lei (PL 1.562/2020), aprovado pelo Congresso em junho. A Presidência também excluiu da proposta dispositivo que agravava a punição para infratores reincidentes ou que deixassem de usar máscara em ambientes fechados.

⠀Todos os trechos vetados deverão retornar para análise do Congresso Nacional, que poderá acatar ou derrubar as decisões do Palácio do Planalto.

Prevenção

A Lei 14.019 exige o uso de máscaras cobrindo a boca e o nariz nos veículos de transporte por aplicativos, táxis, ônibus, aeronaves ou embarcações de uso coletivo fretados. Também fica obrigatório nos estabelecimentos prisionais e de cumprimento de medidas socioeducativas. Os órgãos, entidades e estabelecimentos ficam responsáveis por afixar cartazes informativos sobre a forma de uso correto de máscaras e o número máximo de pessoas permitidas ao mesmo tempo dentro do local, nos termos de regulamento.

Fonte: Senado Federal

POLÍCIA FEDERAL DEFLAGRA OPERAÇÃO DISSÍMULO EM CARUARU

terça-feira, 30 de junho de 2020

Explosão em agência bancaria pela quadrilha

A Delegacia da Polícia Federal em Caruaru deflagrou na manhã de hoje (30/06/2020) a Operação Dissímulo, com a finalidade de descortinar a atuação de uma associação criminosa estabelecida na região dos municípios de Caruaru e Santa Cruz do Capibaribe, especializada na execução de crimes patrimoniais contra agências bancárias, na modalidade de roubo mediante sequestro e extorsão de funcionários, tendo como líder um vigilante de 32 anos, funcionário de uma empresa de segurança de valores, brasileiro, casado, natural da Bahia e residente em Caruaru/PE.

Apreensão em São Paulo/SP

O líder do grupo já havia sido preso pela Polícia Federal de Caruaru, em uma ação desencadeada em 07/02/2020 no curso de investigação que apurou suas relações com integrantes de uma facção criminosa do Estado de São Paulo, com atuação em diversas outras unidades da federação, presos pela Polícia Federal em Caruaru, no dia 03/11/2019, quando supostamente realizavam levantamentos no município para a realização de mais uma empreitada criminosa. Na ação de hoje a Polícia Federal cumpriu 04 mandados de busca e apreensão (Agamenon Magalhaes, Cidade Jardim, Renderias e Vassoural) expedidos pelo Juízo da 3ª Vara Criminal da Comarca de Caruaru, em endereços de suspeitos de integrarem o grupo criminoso, tendo sido empregados 25 policiais federais.

Os crimes atribuídos aos investigados são de associação criminosa e roubo qualificado (Art. 288 c/c Art. 157, §2º, V, do Código Penal Brasileiro), com penas que somadas podem chegar a 18 anos de reclusão.

Dissímulo = Dissimulado (Pessoa que oculta seus reais sentimentos ou intenções; fingido, falso, hipócrita).

RELEMBRE O CASO

POLÍCIA FEDERAL REALIZA INCINERAÇÃO DE 1.130KG DE DROGAS APREENDIDAS EM DIVERSAS AÇÕES

segunda-feira, 29 de junho de 2020

A Polícia Federal em Pernambuco, através da Delegacia de Repressão a Drogas-DRE com participação da APEVISA- Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária e Ministério Público Estadual, realizou no dia 26/6, por volta das 8hs, à incineração de diversos tipos de drogas apreendidas no curso da investigação de mais de 25 inquéritos policiais envolvendo tráfico de drogas. Por motivos estratégicos e de segurança o endereço e o nome da indústria que fica localizada no Curado/PE, onde ocorreu à queima do material entorpecente serão mantidos em sigilo. Na ocasião foram destruídas mais de 1.130Kg de entorpecentes entre (cocaína, maconha, skank, haxixe e metanfetamina).

A ação de hoje faz parte das atividades que marcam a Semana Nacional de Políticas Sobre Drogas 2020, realizada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, que aconteceu no período de 19 a 26 de junho, e foi a data escolhida pela Organização das Nações Unidas (ONU), a partir de 1987, para o Dia Internacional de Combate às Drogas (26/06). As drogas foram incineradas com a devida autorização judicial. Além das ações de combate às drogas, a PF em Pernambuco promove atividades socioeducativas e palestras por meio do Grupo de Prevenção ao uso Indevido de Drogas-GPRED. O evento foi acompanhado por forte esquema de segurança e seguiu as recomendações de saúde impostas pela pandemia do coronavírus, com o uso de EPI’s e adoção de medidas preventivas para evitar aglomerações.

Policiais Federais trabalham diuturnamente desenvolvendo ações de repressão ao tráfico internacional de entorpecentes no Aeroporto Internacional dos Guararapes e dos Portos do Recife e de Suape, barreiras policiais nas rodovias fiscalizarão ônibus e veículos com a ajuda de cães farejadores, serviço de inteligência policial visando desarticular grandes quadrilhas interestaduais com o objetivo de prender os principais fornecedores de drogas através das rodovias, principalmente aquelas que dão acesso ao nosso estado, afim de que esta droga (principalmente pasta base de cocaína) não chegue ao seu destinatário final para transformação em laboratórios clandestinos de pedras de crack no intuito de abastecer os vários pontos de venda de drogas em nosso estado.  Cada ponto de venda de droga corresponde um núcleo de violência em virtude de que mortes, assaltos, brigas, problemas familiares, formação de gangues estão diretamente ligados ao tráfico de drogas.

Fonte: Polícia Federal

POLÍCIA FEDERAL ALERTA: HOMEM PATETA, PERSONAGEM NO FACEBOOK, AMEAÇA CRIANÇAS E ESTIMULA O SUICÍDIO

segunda-feira, 29 de junho de 2020

Nos últimos dias tem surgido um novo desafio através de um personagem no facebook e nas redes sociais que se veste de Pateta, da Disney, uma versão humanizada chamado Homem Pateta. O suposto autor se identifica como sendo Jonatan Galindo e começa a ameaçar e induzir as crianças a se mutilarem e atentar contra a própria vida, ensinando técnicas de suicídio. Com a suspensão temporária das atividades escolares durante a quarentena, acaba se tornando comum que as crianças passem mais tempo no celular ou no computador onde podem ficar vulneráveis a todo o tipo de ataques de cibercriminosos. Nesse novo desafio o criminoso atrai a atenção da criança para uma conversa privada, desafiando-a  a segui-lo. Daí é só esperar a resposta que via de regra são ameaças através de mensagens privadas e envio de vídeos, textos, áudios e até ligação por vídeo ao vivo, e sempre no final obrigando as crianças a apagarem as postagens.

Essa não é a primeira vez que o uso das redes sociais se torna uma ameaça devido ao surgimento de perfis criminosos que abordam crianças com o objetivo de ganhar a confiança delas e depois induzi-las à morte. Foi assim com desafio da baleia azul, boneca momo, da rasteira, do desodorante e tantos outros que se espalham através das redes sociais, O Homem Pateta, teve o seu primeiro perfil criado na Europa e no México, em 2017 e apesar de não haver casos confirmados no Brasil, algumas contas com codinome Jonatan Galindo já apresentam conteúdo em português. Com o tempo, os perfis falsos vão se multiplicando e acabam chegando no Brasil. O alerta veio primeiramente do Tribunal de Justiça e da Polícia Civil de Santa Catarina. O assunto se tornou tão sério que, em 2019, a Câmara dos Deputados aprovou no dia 26/12/2019 a Lei 13.968 que altera o artigo 122 do código tornando as penas mais duras para quem estimular e incitar a automutilação e o suicídio de crianças e adolescentes. Dependendo do teor das mensagens, o caso deve ser enquadrado em um tipo penal específico, que pode variar entre crime de ameaça, perturbação da tranquilidade e até instigação, auxílio e consumação do suicídio com penas que podem chegar até 20 anos de reclusão

As mensagens das páginas variam entre o português e o espanhol, o que pode indicar que o criador —ou criadores— dos perfis não sejam do Brasil. Crianças não podem ter conteúdos privados que seus pais não possam acessar Uma criança sozinha no meio da rua de madrugada é vulnerável e está sujeita a todo e qualquer risco. Na internet é a mesma situação. Infelizmente, existem pessoas que sentem prazer em causar dor e sofrimento nos outros

DICAS DE SEGURANÇA PARA OS PAIS:

OS PAIS DEVEM TER UM VÍNCULO DE AMIZADE E CUMPLICIDADE COM SEUS FILHOS: A correria do dia a dia faz com que as famílias não possam mais manter um diálogo franco e aberto com seus entes queridos. E o resultado disso são pais que não sabem mais nada acerca da rotina e dos problemas que seus filhos estão passando. Gaste pelo menos dez minutos com seu filho para saber como foi o dia a dia dele com perguntas do gênero: Como foi o seu dia hoje? Conheceu novas amizades? Notou alguma coisa ou alguém estranho próximo de você? Ficou chateado com alguém? Alguém postou algo esquisito ou estranho em seu perfil do Facebook? Tais perguntas vai proporcionar aos filhos uma cumplicidade muito grande com seus pais e um hábito extremamente saudável e no menor sinal de perigo, a criança procurará seus pais para conversar sobre o assunto e nunca procurará um estranho.

OS PAIS DEVEM TER UM CONHECIMENTO BÁSICO DE INTERNET E COMPUTAÇÃO, PRINCIPALMENTE SOBRE REDES SOCIAIS: Não precisam ser usuários assíduos ou experts das redes sociais, mas sim conhecê-las e para entender como funciona, porque como os pais poderão instruir seus filhos se eles forem ignorantes nesta área sem ter nenhum tipo de conhecimento e habilidade? Infelizmente os filhos hoje em dia tem um conhecimento muito maior do que os pais do mundo digital;

OS PAIS DEVEM SUPERVISIONAR O ACESSO DOS FILHOS: Proibir muitas vezes não educa e nem previne. O melhor caminho é o diálogo e a orientação. Quando o diálogo entre pais e filhos é natural, a amizade entre eles no meio digital se torna uma extensão da relação doméstica. Entre regularmente no perfil do seu filho para ver o que ele tem postado e com quem tem iniciado amizades; e para isso se faz necessário que os pais tenham um perfil no Facebook e seja adicionado pelos seus filhos, porém os pais devem resistir à tentação de bisbilhotar os passos virtuais do adolescente. A senha deve ser acionada apenas se houver indícios sérios de que algo está errado e com consentimento do jovem para que os pais acessem o seu perfil.

OS PAIS DEVEM ALERTAR E CONSCIENTIZAR A CRIANÇA SOBRE OS PERIGOS QUE ELA PODE ENCONTRAR E ENSINÁ-LO A EVITÁ-LOS: (alertas como: não colocar informação pessoais em demasia tais como: números de documentos, endereço residencial ou da escola, nome dos pais, foto da frente de sua residência, foto do carro com a placa exposta, da fachada do colégio, fotos com rol de amigos e jamais adicionar quem não se conhece);

SE POSSÍVEL, DEIXE O COMPUTADOR NUM CÔMODO PÚBLICO E VISÍVEL DA CASA para que em qualquer momento possa ser visualizado o que a criança está acessando.

NÃO PERMITA ALTAS HORAS DE EXPOSIÇÃO NA INTERNET: os jovens pertencem a uma geração que se comunicam por meio da internet, eles tendem a passar muito tempo conectados – cabe aos pais impor regras e limitar o tempo. Alguns adolescentes ultrapassam a linha da normalidade rumo a compulsão. Neste caso ofereça alternativas ao seu filho para fazer outra coisa – como passar tempo juntos em cinemas, corridas, teatros, restaurantes, shoppings, parques, praias etc.

DICAS DE SEGURANÇA PARA OS FILHOS:

NUNCA INCLUA INFORMAÇÕES PESSOAIS EM DEMASIA: (nºs de telefone, RG, CPF, endereço, idade, filiação, escolaridade, gostos e preferências pessoais sobre: filmes, música, time favorito, esportes, comidas, vestuário, planos para o futuro).

NÃO POSTAR FOTOS EM EXCESSO: Evite expor suas fotos íntimas ou com pessoas (os bandidos saberão quem são os seus amigos e círculo de amizade), carros com placas expostas (os bandidos poderão saber o endereço daquela pessoa através de funcionários ou policiais corruptos (INFOSEG) que possam conseguir essas facilidades juntos aos DETRAN´s estaduais, casas (Os bandidos poderão saber a cor, número, formato e estrutura de segurança do imóvel), escolas (os bandidos poderão saber onde a pessoa estuda);

NUNCA INCLUA DESCONHECIDOS EM CONTATOS – Cabe aos pais alertar sobre a presença de perfis falsos, pedófilos e grupos com conteúdo inadequado nas redes sociais – mantendo apenas na lista de contatos apenas as pessoas que conhece fora do ambiente virtual, como os parentes, colegas de escolas e do condomínio;

A PRIVACIDADE E INTIMIDADE É ALGO QUE DEVE SER A TODO O CUSTO PRESERVADO: Nunca se deve confiar cegamente em namorados, amigos, parentes, vizinhos, e colegas de trabalho repassando, compartilhando, filmando ou cedendo para eles registros íntimos de fotos ou vídeos feitos em aparelhos celulares ou qualquer outro mecanismo de gravação.  Na maioria das vezes namoros são rompidos de forma litigiosa onde ambas as partes aproveitam tais registro para se vingar ou chantagear um ao outro.

Fonte: Polícia Federal

OPERAÇÃO POLICIAL REALIZA ERRADICAÇÃO DE 103 MIL PÉS E DESTRÓI 67 QUILOS DE MACONHA PRONTA PARA COMERCIALIZAÇÃO

quinta-feira, 25 de junho de 2020

A Polícia Federal com apoio da Polícia Militar/PE e Polícia Civil/PE vem promovendo ações de identificação e consequente erradicação de plantios de maconha no sertão pernambucano. Tais medidas fazem parte das estratégias adotadas pela Coordenação-Geral de Prevenção e Repressão a Entorpecentes-CGPRE, Órgão Central da Polícia Federal em Brasília/DF. O Objetivo é reduzir a produção e oferta de maconha no sertão Pernambucano. As operações constantes trata-se de mais um desdobramento da Operação Muçambê.

Desta vez foram erradicados entre os dias 16 a 22/06/2020, cerca de 103 mil (centro e três mil) pés de maconha encontrados no Sítio São Mateus (Lagoa Grande) Sítio Baixa da Cacimba (Dormentes), Zona Rural de Salgueiro, Orocó, Riacho Olho Dágua, Sítio Boqueirão 3 em Carnaubeira da Penha. Em uma das roças foi encontrado e incinerado cerca de 67kg de maconha pronta para a comercialização. Também foram destruídos 8.570 Covas, 2.085 mudas, 2.5Kg de Sementes

No dia 21/06 foi encontrado e preso um suspeito de 38 anos, natural de Floresta/PE, regando uma plantação de maconha no sítio Boqueirão 3 em Carnaubeira da Penha. Ele foi autuado em flagrante por tráfico de drogas na Delegacia da Polícia Federal em Salgueiro/PE e enviado para a audiência de custódia e depois para o presídio de Salgueiro, ficando à disposição da Justiça Estadual.

O ciclo produtivo da cannabis é acompanhado de perto por policiais federais e quando vai se aproximando o período da colheita novas ações são realizadas coibindo assim a secagem e a consequente introdução no mercado consumidor (pontos de vendas de drogas). CASO OS 103 MIL PÉS DE MACONHA FOSSEM COLHIDOS, PRENSADOS E COLOCADOS NO MERCADO CONSUMIDOR DARIA PARA SE FAZER 34.3 TONELADAS DE MACONHA!

As constantes operações policiais de erradicação de maconha no sertão de Pernambuco, não tem dado tempo ao traficante daquela região em produzir a droga em seu pleno desenvolvimento, o que tem levado a importação da droga do Paraguai. Isto também está demonstrado pelo aumento das apreensões feitas pela Polícia Federal de maconha vinda daquele país vizinho.

Assim com essas operações consecutivas a Polícia Federal contribui significativamente para o desabastecimento dos pontos de venda de droga em nosso estado como também em outros estados da região nordeste, evitando assim a escalada da violência tais como: assaltos, furtos, roubos, homicídios, assassinatos, acertos de contas, guerra entre facções de traficantes para controle da área para venda de drogas. Geralmente essas ocorrências são resultado e fruto do tráfico de entorpecentes. Cada ponto de venda de droga desabastecido, significa um foco a menos de violência.

Muçambê é um pequeno arbusto, provido de espinhos nos pecíolos das folhas, ocorrendo nas caatingas dos estados do nordeste.

Fonte: Polícia Federal

POLÍCIA FEDERAL DEFLAGRA EM PERNAMBUCO A OPERAÇÃO ESTATUETA DE COMBATE AO TRÁFICO INTERNACIONAL

terça-feira, 23 de junho de 2020

A Polícia Federal em Pernambuco dá cumprimento, na data de hoje, a 10 mandados de prisão temporária (05PE, 02AC, 01CE e 02SP), 12 mandados de busca e apreensão (08PE, 01AC, 01CE e 02SP), apreensão de 03 veículos, bloqueio de contas bancárias de 09 pessoas físicas e jurídicas, sequestro de 06 imóveis (PE) e afastamento de sigilo fiscal de 09 pessoas físicas e jurídicas, todas as medidas cautelares foram expedidas pela 13ª Vara da Justiça Federal de Pernambuco.

Os mandados serão cumpridos simultaneamente em Recife/PE, Rio Branco/AC, Fortaleza/CE e São Bernardo do Campo/SP, e serão empregados aproximadamente 60 policiais federais.

As investigações foram levadas a efeito por meio da Delegacia de Repressão a Drogas – DRE e se iniciaram em 2018, quando integrantes da referida organização criminosa se reuniram com o objetivo de planejar ações ilícitas. A ORCRIM promovia a internação de cocaína na fronteira Brasil/Bolívia, remetendo para a Europa, mais precisamente Alemanha, escondendo a droga dentro de estatuetas semelhantes à de buda, daí o nome da operação.

O grupo lavava o dinheiro do tráfico adquirindo imóveis na região metropolitana de Recife/PE.

Um dos dez membros da ORCRIM se encontra recolhido no Presídio Francisco D’Oliveira Conde, em Rio Branco/AC, em virtude de ter sido preso em flagrante delito com 11,6kg de cocaína, em 15/10/2018, quando transportava a droga em um ônibus de Rio Branco/AC para Porto Velho/RO.

Os líderes da ORCRIM residem na Região Metropolitana do Recife, um deles de nacionalidade alemã, reside com sua esposa brasileira, também membro da ORCRIM. Outro é ex-Policial Federal, que já foi preso anteriormente por tráfico de drogas, e já cumpriu pena, exercendo hoje a advocacia.

Os integrantes da ORCRIM são investigados pela prática dos crimes de associação e tráfico internacional de drogas, lavagem de dinheiro e constituir/integrar Organização Criminosa, tipificados nos artigos 33, caput, e 35 c/c 40, inciso I da lei 11.343/06, artigo 1º da Lei 9.613/98 e art. 2º, §4º, inciso V da lei 12.850/2013. Penas que se somadas, em caso de condenação, podem chegar a 65 anos de reclusão. Levando em conta apenas os valores declarados no registro dos imóveis, os bens apreendidos ultrapassam a quantia de R$5 milhões de reais.

POLÍCIA FEDERAL DEFLAGRA OPERAÇÃO CONTRA O TRÁFICO INTERNACIONAL DE DROGAS

segunda-feira, 22 de junho de 2020

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta segunda-feira (21/06) a Operação Ephestia, com o objetivo de dar continuidade às investigações que resultaram na apreensão de mais de 2 toneladas de cocaína no porto de Ilhéus, entre os dias 19 e 20 do mês em curso. Estão sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão em endereços vinculados à empresa exportadora, tanto em Recife/PE, onde se localiza a sua sede, quanto no extremo oeste da Bahia, em Barreiras e Luís Eduardo Magalhães, onde a carga de soja teria sido carregada.

Com a ação, busca-se o aprofundamento das investigações, com a obtenção de provas que levem à identificação dos responsáveis pela carga ilícita e o desbaratamento da organização criminosa. Cerca de 30 policiais federais cumprem os mandados expedidos pela 13ª Vara da Seção Judiciária da Bahia. O nome da operação, Ephestia, faz alusão a uma praga muito comum na armazenagem de grãos. Assim como esta praga, a ocultação de drogas em cargas de grãos tem se disseminado nos portos brasileiros utilizados como rota pelo tráfico internacional. O contínuo enfrentamento ao tráfico de drogas já permitiu, em 2020, que a Polícia Federal tenha apreendido mais de 9.5 toneladas no de cocaína apenas em território baiano.

Apreensão em Pernambuco

RECIFE/PE – Foi dado cumprimento a 02 mandados de busca e apreensão nos bairros de Boa Viagem onde está localizada a sede da empresa exportadora responsável pelo transporte da soja que seria embarcada para o porto de Roterdã na Holanda. A ação no Porto de Ilhéus contou com a participação e o apoio da Guarda Portuária, da Companhia das Docas do Estado da Bahia, da Receita Federal e da Polícia Militar.

Fonte : Polícia Federal