quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

OPERAÇÃO HELP X

A Polícia Federal através do GRCC-Grupo de repressão a Crimes Cibernéticos, deflagrou na manhã de hoje, dia 21/01/2021, por volta da 6h, a Operação Help X com vista a combater a pornografia infantil na internet. As investigações tiveram início em 2020 através de informações repassadas pelo Centro Nacional de Coordenação de Exploração Infantil da Polícia do Canadá dando conta de uma possível distribuição, por meio de aplicativos de troca e compartilhamento de arquivos e mensagens, contendo imagens de cenas de sexo explícito envolvendo crianças e adolescentes, com dados de usuários brasileiros responsáveis pela distribuição do material pornográfico. Tais acesso e conexões visando a troca e compartilhamento do material pornográfico infantil teriam partido em tese dos municípios de Feira Nova/PE e Gravatá/PE.

Após investigações e quebra de sigilo telemático estão sendo cumpridos 02 mandados de busca e apreensão, deferidos pelas 4ª e 36ª Varas da Justiça Federal nos endereços residenciais dos suspeitos com vista a proceder a apreensão de computadores, notebooks, celulares e outras mídias com potencial de armazenamento de imagens e vídeos contendo pornografia infantil. Nas buscas de Feira Nova/PE e Gravatá/PE foi detectado material envolvendo pornografia infantil, através de perícia preliminar, os proprietários dos respectivos aparelhos telemáticos foram presos em flagrante pelo crime contido no Estatuto da Criança e do Adolescente (Artigo 241-B da Lei 8.069/90) por adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente – (pena – reclusão, de 1 a 4 anos).

OPERAÇÃO INFÂNCIA RESGATADA

Recife/PE  – A Polícia Federal através do GRCC-Grupo de repressão a Crimes Cibernéticos, com apoio do Núcleo de Repressão aos Crimes de Ódio e Pornografia Infantil na Internet – NURCOP, da Divisão de Repressão a Crimes Cibernéticos – DRCC, deflagrou na manhã de hoje, dia 21/01/2021, por volta da 6h, a Operação Infância Resgatada com vistas a combater prática de atos libidinosos e produção de material pornográfico (fotos e vídeos) envolvendo crianças e/ou adolescentes, bem como a troca e armazenamento material de pornografia infantil. As investigações tiveram início em 2020 através de informações repassadas pelo NCMEC (National Center for Missing and Exploited Children), organização não governamental americana que centraliza o recebimento de denúncias sobre crimes relacionados a abuso sexual infantil e desaparecimento de crianças bem como do FBI –  em virtude de, por lei, nos Estados Unidos, as empresas prestadoras de serviços de internet são obrigadas a relatarem casos de suspeita de exploração sexual infantil que trafeguem em suas redes. Foram registradas 32 ocorrências envolvendo tais condutas através de diversos aparelhos celulares do suspeito.

As investigações se iniciaram através do Núcleo de Repressão aos Crimes de Ódio e Pornografia Infantil pela Internet (NURCOP), situado em Brasília onde foi produzido um minucioso Relatório, a partir das informações recebidas pelo NCMEC. Durante o trabalho investigativo foram identificadas ao menos uma menor que teria sido vítima de abuso sexual, havendo indícios de que a vítima seria sua própria enteada, tendo em vista o teor dos comentários publicados na rede social Facebook e vasto registro fotográfico.

Foram cumpridos 01 Mandado de Prisão Preventiva e 02 Mandados de Busca Apreensão em Muro Alto/PE e Gaibu/PE, deferidos pela 36ª Vara da Justiça Federal nos endereços residencial e profissional do molestador – com vista a proceder a apreensão de computadores, notebooks, celulares e outras mídias com potencial de armazenamento de imagens e vídeos contendo pornografia infantil. Os crimes atribuídos ao possível molestador são a prática da produção, compartilhamento e armazenamento de conteúdo pornográfico infantil (Art. 240, Art. 241-A e Art. 241-B do ECA), além do crime de estupro de vulnerável (Art. 217-A do CP). Tais crimes acumulados resultam em penas que variam de 4 a 16 anos de reclusão.

Fonte: Polícia Federal

terça-feira, 19 de janeiro de 2021

Um veículo modelo HB20 com placa ORI-7450, na cor prata, foi tomado de assalto por volta das 4h30 desta terça-feira (19), na BR-104, no município de Quipapá. Além do veículo também foi roubado R$ 1.500 do motorista.

A vítima foi abordada por dois elementos que estavam armados com um revólver e utilizando um veículo não identificado. O homem disse a polícia que os criminosos o mandaram entrar no mato para depois fugirem.

O roubo é investigado pela delegacia do município.

quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

A Polícia Federal, prendeu em flagrante, no dia 12/01/2020, por volta das 12h, no Aeroporto Internacional dos Guararapes/Gilberto Freyre, um auxiliar de serviços gerais, de 21 anos, solteiro, natural e residente em Corumbá-MS–(não possui antecedentes criminais).

A prisão aconteceu durante fiscalização de rotina destinada a reprimir o tráfico internacional e doméstico de entorpecentes bem como outros tipos de ilicitudes de competência federal no Aeroporto Internacional dos Guararapes – Gilberto Freyre. Os Policiais Federais através de um procedimento padrão, perceberam que o passageiro que havia desembarcado em Recife/PE, num voo procedente de Campo Grande/MS com Conexão em Campinas/SP, demonstrava bastante nervosismo, inquietação e impaciência sendo separado para uma entrevista prévia.

A ação foi concluída quando os federais ao abrir a mala em sua presença encontraram uma peça metálica cilíndrica que ao passar pelo aparelho de raios x foi detectado duas imagens de densidades diferentes. E ao ser levada para ser aberta em uma oficina mecânica foi encontrado em seu interior um pó branco que ao ser submetido a exame narcoteste resultou positivo para cocaína totalizando um peso aproximado de 1,2Kg (um quilo e duzentos gramas). Além da droga também foram apreendidos, passagem aérea, cartão de embarque, um aparelho celular e a peça metálica onde a droga estava escondida.

Terminado os trabalhos investigativos e tendo sido a droga encontrada, o suspeito recebeu voz de prisão em flagrante foi informado dos seus direitos e garantias constitucionais e em seguida conduzido para a Superintendência da Polícia Federal no Cais do Apolo, onde acabou sendo autuado pela prática do crime contido no artigo 33 da Lei nº 11.343/2006 (tráfico de entorpecentes) e caso seja condenado poderá pegar penas que variam de 5 a 15 anos de reclusão. Após a autuação, o preso foi encaminhado para realizar exame de corpo de delito no IML-Instituto de Medicina Legal e em seguida passou por audiência de custódia, onde foi confirmada sua prisão preventiva, ficando à disposição da Justiça Estadual/PE.

ESTATÍSTICA DE APREENSÕES NO AEROPORTO DOS GUARARAPES: Essa é a primeira apreensão de drogas feita pela Polícia Federal, no Aeroporto dos Guararapes. Em 2020 foram 13 pessoas presas, sendo 8 mulheres e 5 homens e apreendidos 27Kg de cocaína, 75Kg de maconha e 512 comprimidos de ecstasy. No ano de 2019 10 pessoas foram presas no Aeroporto dos Guararapes – sendo 3 homens e 7 mulheres e apreendidos 60,2Kg de cocaína e 30Kg de skunk.

Fonte: Polícia Federal

segunda-feira, 04 de janeiro de 2021

Ações constantes da Policia Federal no aeroporto, rodovias e sertão pernambucano em parceria com os demais órgãos de segurança pública, tem contribuído para a erradicação e apreensão de quantidades enormes de drogas durante todo o ano. No aeroporto é feito uma fiscalização constante evitando que drogas cheguem ao estado pernambucano ou seja remetida para o exterior. No sertão pernambucano o ciclo produtivo da maconha é acompanhado de perto pelo serviço de inteligência da Polícia Federal, e ao se aproximar do período da colheita, novas ações são realizadas, coibindo assim a secagem e a consequente introdução no mercado consumidor (pontos de vendas de drogas). As constantes operações policiais de erradicação de maconha na região não têm dado tempo aos traficantes locais para produzirem a droga em seu pleno desenvolvimento. Isso tem aumentado a importação da droga advinda do Paraguai e de outros países vizinhos, já que o sertão de Pernambuco deixou de ser o principal fornecedor da droga.

Em duas grandes apreensões de cocaína no ano de 2020 uma das maiores dos últimos 10 anos, apreendeu-se 1.152Kg, sendo que a apreensão de Serra Talhada (502Kg) iria para produção de milhões de pedras de crack e a no aeródromo de Igarassu/PE (650Kg) para abastecer usuários de classe média e alta em Pernambuco e demais estado vizinhos. O tráfico de drogas na região acaba atraindo e aliciando moradores locais e criando várias outras ocorrências criminosas tais como assaltos, furtos, homicídios, assassinatos, acertos de contas, guerra entre gangs para domínio de território para venda de drogas, dentre outros crimes. Sem contar que o dinheiro do tráfico é reinvestido para compra de armas, corrupção de agentes públicos, tráfico de pessoas, contrabando de mercadorias e explosivos. Todas essas ocorrências giram em torno desta atividade ilícita. Cada ponto de venda de droga desabastecido, significa um foco a menos de violência. 

ESTATÍSTICAS DE APREENSÕES DE DROGAS:

Cocaína – 1.152Kg

(502Kg em Serra Talhada/PE no dia 07/02 e 650Kg no Aeródromo de Igarassu/PE no dia 22/04)

Maconha – 1.100Kg

Ecstasy – 3.560 comprimidos

Anabolizantes – 215 caixas

12 presos

DESTAQUE PARA OPERAÇÃO ALÉM MAR – 18/08 – Durante a fase sigilosa das investigações foram presas 12 pessoas e apreendidas mais de 11 toneladas de cocaína, no Brasil e na Europa. Foram cumpridos 139 (cento e trinta e nove) mandados de busca e apreensão e 50 (cinquenta) mandados de prisão (20 prisões preventivas e 30 prisões temporárias). Os mandados são dirigidos a endereços e pessoas localizados em 13 estados (AL, BA, CE, DF, GO, MS, PA, PB, PE, PR, RN, SC, SP).

ESTATÍSTICA DE APREENSÕES NO AEROPORTO DOS GUARARAPES:

Em 2020 foram 13 pessoas presas, sendo 8 mulheres e 5 homens e apreendidos 27Kg de cocaína, 75Kg de maconha e 512 comprimidos de ecstasy. No ano de 2019 10 pessoas foram presas no Aeroporto dos Guararapes – sendo 3 homens e 7 mulheres e apreendidos 60,2Kg de cocaína e 30Kg de skunk.

ESTATÍSTICA DE OPERAÇÕES DE ERRADICAÇÃO DE MACONHA:

•1ª FASE (FEVEREIRO/2020):

102.718 PÉS – EQUIVALENTE A 34 TONELADAS

1.123KG DE MACONHA PRONTA.

•2ª FASE (ABRIL E MAIO/2020):

295.647 PÉS – EQUIVALENTE A 98 TONELADAS

803,6 KG DE MACONHA PRONTA. 

•3ª FASE (JUNHO E JULHO/2020):

538.853 PÉS – EQUIVALENTE A 180 TONELADAS

399,2 KG DE MACONHA PRONTA. 

•4ª FASE (SETEMBRO/2020):

367 MIL PÉS – EQUIVALENTE A 122 TONELADAS

156 kg

•5ª FASE (DEZEMBRO/2020):

164 MIL PÉS – EQUIVALENTE A 55 TONELADAS

138 kg

TOTAL ESTE ANO:

1.468,218 PÉS ERRADICADOS

EQUIVALENTE A 489 TONELADAS

2.619 Kg (DUAS TONELADAS E 481 QUILOS) DE MACONHA PRONTA APREENDIDA

terça-feira, 29 de dezembro de 2020

Com a chegada das festas de final de ano, vários casais e famílias estão procurando pousadas e hotéis com o objetivo de passar as festas de final de ano e férias com tranquilidade e conforto distante da agitação dos grandes centros. A Polícia Federal alerta que é nestas compras de pacotes e diárias nesses estabelecimentos que bandidos estão se aproveitando para aplicar golpes financeiros e clonar o número de whatsapp das pessoas através da criação de perfis falsos de pousadas e hotéis no Instagram e facebook muito parecido com o verdadeiro. A falta de conhecimento é um dos maiores facilitadores para os golpistas, pois existe uma fragilidade perceptível no conhecimento básico de proteção quanto à privacidade e à segurança da internet por parte dos usuários.

O GOLPE TEM DOIS OBJETIVOS:

1-CLONAR O WHATSAPP DAS PESSOAS – a quadrilha se utiliza de perfis falsos com o mesmo nome dos hotéis, pousadas e empresas no Instagram e facebook a partir daí se comunicam com potenciais clientes/vítimas, oferecendo diárias a preços promocionais e até mesmo sorteios de pacotes grátis de hospedagem e jantar romântico. Entre os alvos preferidos dos estelionatários, estão pessoas que mais interagem e ativas nas redes sociais e deixam comentários nas postagens ou que publicam fotos marcando o hotel, mostrando momentos passados. Em seguida, eles pedem o nome e número de celular dos clientes e na sequência informam que a pessoa vai receber um SMS e precisa que confirme pra eles os seis dígitos que recebeu no celular. Após a confirmação do código o WhatsApp é instalado no celular da quadrilha e eles passam a se comunicar com a lista de todos os contatos da vítima para pedir ajuda financeira em dinheiro se passando pelo proprietário da linha do celular.

2-APLICAR GOLPES FINANCEIROS – a tática é idêntica, a quadrilha se utiliza de perfis falsos com o mesmo nome dos hotéis, pousadas e empresas no Instagram e facebook a partir daí se comunicam com potenciais clientes/vítimas, oferecendo diárias a preços promocionais e até mesmo sorteios de pacotes grátis de hospedagem e jantar romântico. Só que, ao invés de pedirem, o nome e número de celular dos clientes e enviar um SMS com os seis dígitos para clonar o WhatsApp. Eles enviam um número de uma conta como sendo do hotel, pousada ou empresa para depósito em dinheiro com um desconto promocional e quando a pessoa chega no hotel para se hospedar descobre que foi lesado e que não existe reserva no hotel ou pousada.

COMO SE PROTEGER DOS GOLPES:

1-Os hotéis e pousadas não solicitam dados pessoais em suas comunicações com clientes através das redes sociais. Todos os contatos realizados pelas equipes dos hotéis com os clientes e hóspedes, através destes canais, são reativos – eles respondem às solicitações primeiramente feitas pelos clientes

2-Nunca preencha nenhum cadastro, formulário ou pesquisa fornecendo seus dados financeiros ou pessoais através de links enviados pelo WhatsApp, tais como: senha de bancos, cartão de crédito, conta corrente, benefícios e nem qualquer código recebido por SMS em seu celular para terceiros.

3-Verifique a data de criação do perfil. Se foi criado há pouquíssimos dias de uma pousada que já está há um bom tempo no mercado – desconfie.

4-Observe o número de seguidores e publicações do perfil da pousada ou hotel. Geralmente quando a página é falsa o número de pessoas seguindo e a quantidade de publicações e fotos costumam ser muito abaixo do perfil verdadeiro.

5-Anote o endereço correto da pousada ou hotel e salve no seu navegador! Evite fazer uma consulta por nome, porque o risco de vir uma página falsa é grande.

6-Confirme se a grafia do nome da conta do Instagram ou facebook é realmente do hotel, pousada ou empresa. Não existe duas contas com nomes iguais. Quando alguém cria uma conta falsa se faz necessário adicionar uma letra ou número para diferenciar da original.

7-As pessoas são tomadas pela emoção e acabam agindo no impulso. Ao receber uma mensagem dizendo que ganhou uma viagem ou estadia numa pousada totalmente grátis, verifique se a conta é verdadeira antes de fazer qualquer depósito ou transferência em dinheiro.

8-Ao receber uma mensagem com promoções tentadoras desconfie sempre antes de clicar nos links compartilhados no WhatsApp ou nas redes sociais é melhor apagar.

9-Não compartilhe links duvidosos com seus contatos sem antes saber se são autênticos – você pode estar sendo usado por bandidos para espalhar o golpe e prejudicar outras pessoas, inclusive seus parentes.

10-Cuidado com o imediatismo de mensagens tais como: último dia, promoção vai até hoje! Urgente, não perca essa oportunidade, quase sempre tais conteúdos querem fazer com que as pessoas não pesquisem a veracidade da promoção na página da empresa ou órgãos oficiais.

11-Certifique-se no site oficial da empresa sobre o que está sendo oferecido, principalmente quando se tratar de supostas promoções, ofertas de dinheiro, brindes, descontos ou até promessas de emprego. Vários perfis do Instagram de pousadas, hotéis e empresas já exibem alerta sobre golpes.

12-Ao entrar em qualquer página verifique se existe um cadeado cinza no canto superior esquerdo da página – isso atesta que sua conexão não foi interceptada e que o site está criptografado para impedir golpes.

13-Esse tipo de crime é de competência da Polícia Civil. E quem tiver sido enganado ou lesado através de um perfil falso é importante fazer uma denúncia através de um boletim de ocorrência na Polícia Civil a fim de que possa ser dado início a uma investigação objetivando identificar, responsabilizar e prender tais criminosos. A denúncia também deve ser feita no próprio perfil do Instagram ou facebook a fim de a página seja removida e outras pessoas não possam ser vítimas.

Fonte: Polícia Federal

sábado, 26 de dezembro de 2020

Um trabalhador rural morreu vítima de acidente na tarde desta sexta-feira (25), no distrito de Ibaratinga, na zona rural do município de Sirinhaém/PE.

Leonardo Manoel da Silva Alves, de 37 anos, pilotava uma motocicleta e perdeu o controle da direção, ele acabou caindo, sofreu ferimentos e veio a óbito horas depois.

O corpo de Leonardo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife.

terça-feira, 22 de dezembro de 2020

Um guarda municipal de 25 anos foi assassinado com disparos de arma de fogo em Lagoa do Itaenga, zona da mata do Estado de Pernambuco. O crime aconteceu por volta das 21 horas numa praça situada na área central da cidade.

José Ewerton da Cruz, era conhecido como ‘Evinho’, que estaria no local do crime quando ao autor dos tiros se aproximou. Com tiros na cabeça, o guarda municipal não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Ainda não foi identificado o autor do crime, que fugiu em desabalada carreira. O caso já está sendo investigado pela 54ª delegacia de polícia civil local.

terça-feira, 22 de dezembro de 2020

Uma mulher foi morta pelo ex-companheiro na manhã desta segunda-feira (21), no município de Buenos Aires, na Zona da Mata de Pernambuco.

Cleidiane José dos Santos, de 35 anos, foi lesionada com golpes de faca em várias partes do corpo, o autor do feminicídio Adriano José de Santana, de 33 anos, conseguiu fugir e está sendo procurado pela polícia.

Segundo informações de familiares, era comum brigas entre o casal, Adriano chegou a ameaçar e agredi-la por diversas vezes.

O corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2020

A Polícia Federal através de sua Delegacia em Salgueiro/PE em conjunto com a Polícia Civil, Polícia Militar de Pernambuco (Grupamento Tático Aéreo e BEPI-Batalhão Especializado de Policiamento do Interior) e Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco e da Paraíba vem promovendo ações de identificação e consequente erradicação de plantios de maconha no sertão pernambucano. Tais medidas fazem parte das estratégias adotadas pela Coordenação-Geral de Prevenção e Repressão a Entorpecentes-CGPRE, Órgão Central da Polícia Federal em Brasília/DF, com o objetivo de reduzir a produção e oferta de maconha no sertão Pernambucano e contou com duas aeronaves da Coordenação de Aviação Operacional-CAOP da Polícia Federal em Brasília.

Desta vez foi concluída a Operação Muçambê V que ocorreu entre os dias 05 a 15 de dezembro/2020, onde conseguiu-se erradicar 164 mil pés de maconha, apreender 138 kg da droga pronta para consumo, destruir 56 plantios, além de 400 mil mudas. Os plantios foram localizados através de levantamentos feitos pela Polícia Federal em algumas ilhas dos Rio São Francisco, na Região de Orocó, Cabrobó, Carnaubeira da Penha, Floresta e Belém do São Francisco no sertão pernambucano

O ciclo produtivo da cannabis é acompanhado de perto por policiais federais e quando vai se aproximando o período da colheita novas ações são realizadas coibindo assim a secagem e a consequente introdução no mercado consumidor (pontos de vendas de drogas). As constantes operações policiais de erradicação de maconha no sertão de Pernambuco, não tem dado tempo ao traficante daquela região em produzir a droga em seu pleno desenvolvimento, o que tem levado a importação da droga do Paraguai. Isto também está demonstrado pelo aumento das apreensões feitas pela Polícia Federal de maconha vinda daquele país vizinho.

CASO OS 164 MIL PÉS FOSSEM COLHIDOS, PRENSADOS E COLOCADOS NO MERCADO CONSUMIDOR DARIA PARA SE PRODUZIR APROXIMADAMENTE 55 TONELADAS DE MACONHA!

Assim com essas operações consecutivas, a Polícia Federal contribui significativamente para o desabastecimento dos pontos de venda de droga em nosso estado como também em outros estados da região nordeste, evitando assim a escalada da violência tais como: assaltos, furtos, homicídios, assassinatos, acertos de contas, porque geralmente essas ocorrências giram em torno do tráfico de drogas. Cada ponto de venda de droga desabastecido, significa um foco a menos de violência.

ESTATÍSTICAS DAS 5 OPERAÇÕES DO ANO DE 2020:

1,468,218 pés erradicados, equivalente a 489 toneladas;

2.619 kg (duas toneladas, seiscentos e dezenove quilos) de maconha pronta apreendida.

Muçambê é um pequeno arbusto da família das Caparidáceas provido de espinhos nos pecíolos das folhas, ocorrendo nas caatingas dos estados do nordeste.

Fonte: Polícia Federal

segunda-feira, 14 de dezembro de 2020

Um jovem de 22 anos foi executado com disparos de arma de fogo na madrugada deste domingo (13) no Alto da Boa Vista, em Nazaré da Mata, na Zona da Mata de Pernambuco.

Josicleiton Santos da Silva, conhecido por “Cleiton”, sofreu cerca de 3 disparos no tórax, além de uma lesão na face provocada por arma de grosso calibre.

Segundo informações de sua companheira, a vítima estava bebendo em sua casa quando por volta das 16h do sábado resolveu sair sem dizer o destino.

Ainda de acordo com a esposa da vítima, por volta de 1h da madrugada ela escutou disparos de fogo e quando saiu para ver o que tinha acontecido, viu Cleiton morto na esquina de sua casa.

A vítima responde a alguns homicídios, inclusive é apontado como autor do homicídio que vitimou Rosivaldo Joaquim, conhecido por “Baba”, crime ocorrido no dia 5 de desse mês.

Contra Cleiton havia um mandado de prisão.