quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Na tarde de quarta-feira (30/1), policiais civis da Delegacia de Saloá, sob o comando do Delegado Alysson Câmara, em razão das recorrentes operações visando combater a pratica reiterada de crimes na cidade, a Delegacia vem recebendo inúmeras denúncias acerca de crimes de posse/porte ilícitos de armas de fogo, segundo a Polícia Civil.

De acordo com a polícia, uma das denúncias resultou na prisão em flagrante de Antônio Araújo, 70 anos, agricultor, proprietário de um bar no Sitio Catimbau, zona rural de Saloá, o qual foi  flagrado na posse de 5 armas de fogo, sendo duas espingardas do tipo soca-soca, uma espingarda do tipo bacamarte, uma espingarda cal. 28 e um revólver cal. 22, além de 10 munições, sendo quatro cal. 28 e seis no cal. 22.

A Polícia Civil informou ainda que ao ser indagado sobre a origem das armas de fogo, o autuado “Beio” confirmou que todas lhe pertencem e que ele teria herdado algumas e comprado outras, isto há mais de 20 anos para utiliza-las em caças, não chegando sequer a utilizar o revólver.

Após receber voz de prisão, o autuado foi encaminhado à Delegacia local, onde foi autuado em flagrante delito por posse ilegal de arma de fogo – crime afiançável, razão pela qual foi arbitrada, sendo pago um valor de mil reais, e irá responder ao processo em liberdade.

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

CONTADORA

CONTADORA

banner anuncie (2)

banner anuncie (2)