sábado, 03 de março de 2018

Uma decisão determinada recentemente pela juíza da comarca de Coroatá foi vista como inesperada (para não dizer outra coisa) e respingou em toda a corporação do 24º Batalhão da Polícia Militar.

Isso porque, na verdade, o resultado é uma medida protetiva contra um policial e a favor de um suspeito de tráfico.

A juíza decidiu proibir que um PM chegue próximo ao suspeito. Se o policial ultrapassar os 100 metros de distância será obrigado a pagar uma multa de R$ 1.000,00 (um mil reais).

(Com Informações http://coroataonlinema.com)

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

CONTADORA

CONTADORA

banner anuncie (2)

banner anuncie (2)