segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Um agricultor foi preso pela Polícia Militar na noite de sábado (20), na comunidade de Nossa Senhora Aparecida, na zona rural do município de Paranatama/PE. De acordo com informações da polícia, o acusado ateou fogo na casa e estava dizendo que iria jogar os três filhos e a mulher dentro da residência para todos morrerem queimados.

Ainda segundo informações da PM, ao chegar à residência juntamente com a Guarda Municipal de Paranatama foi encontrado o acusado dentro da casa, na qual já havia quebrado todos os móveis da vítima, sua companheira de 20 anos de idade.

A polícia informou também que efetivo ao entrar na residência para capturá-lo, o mesmo havia aberto o gás do botijão com o intuito de explodir a casa no momento que policiamento entrasse. Com a aproximação dos policiais o indivíduo ateou fogo dizendo que iriar praticar suicídio, mas os policiais conseguiram retirá-lo mesmo com a casa em chamas.

O indivíduo já foi preso várias vezes por violência doméstica.

De acordo com a PM, ainda durante o percurso até a Delegacia Regional em Garanhuns o agricultor a todo tempo ameaçava o efetivo policial. Apresentado a autoridade policial de plantão, o mesmo foi autuado em flagrante.

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

CONTADORA

CONTADORA

banner anuncie (2)

banner anuncie (2)