quarta-feira, 03 de janeiro de 2018

Uma ação conjunta da 1ª Delegacia de Garanhuns, 22ª DPH e Delegacia de Caetés sob o comando do delegado Flávio Pessoa deram cumprimento a mais um mandado de prisão de suspeito de envolvimento numa tentativa de assalto à Casa das Balas, no bairro do Indiano, em Garanhuns, em outubro de 2017. Durante a investida criminosa, um segurança da loja e um policial reformado que fazia a segurança do transporte de valores saíram baleados.

No momento do assalto que ocorreu por trás do batalhão de polícia, houve intensa troca de tiros entre o policial e os assaltantes que conseguiram fugir.

As investigações foram comandadas pelo Delegado João Lins da 22ª Delegacia de Homicídios de Garanhuns e sua equipe. O delegado pediu a prisão do suspeito, Gilmar Barbosa Xavier, de 32 anos, morador do bairro do Magano em Garanhuns.

Ainda segundo a Polícia Civil, no dia do assalto, Gilmar teria dado fuga aos assaltantes em seu veículo Space Fox, preto, que foi flagrado por câmeras de segurança após intensa troca de tiros com o policial. Ele chegou a ser detido em casa, momentos depois do assalto, durante uma operação entre Polícia Civil e Militar, foi levado a delegacia, ouvido e liberado. Desde que teve a prisão decretada pela justiça se encontrava foragido, até ser encontrado na conhecida Rua do Rato, na cidade de Caetés, no final da tarde desta quarta-feira feira (03/1). Com ele também foi apreendido o veículo suspeito de dá fuga aos bandidos. Ele também era ex-funcionário da loja.

A polícia informou também que Gilmar e seu irmão Gilson Barbosa foram reconhecidos pelas vítimas do assalto. Gilson já se encontra preso.

O Gilmar será encaminhado para o sistema penitenciário do Estado, onde ficará à disposição da justiça pernambucana.

Postado Por: Jailson Ferreira

clinica

clinica

CONTADORA

CONTADORA

CURVELO

CURVELO