POLÍCIA CIVIL PRENDE ACUSADO DE PRATICAR HOMICÍDIO EM SALOÁ/PE

sábado, 16 de junho de 2018

Policiais civis da delegacia de Saloá, sob o comando do Delegado Alysson Câmara e Maria das Graças, deflagraram na tarde de sexta-feira (15/6) a Operação “ArmaGEDOn2” objetivando dar cumprimento à Mandados de Prisão.

Segundo informações da Polícia Civil (PC), na oportunidade foram presos os suspeito Luís Januário da Silva, agricultor, de 27 anos, indivíduo de alta periculosidade, comparsa de Janduim Venâncio, o “GEDO”, envolvidos na prática de homicídios na cidade de Saloá/PE, contra os quais foi decretada prisão preventiva pela morte de Rosenildo Soares dos Santos, vulgo “Dadai Marchante”, que foi alvejado por vários disparos de arma de fogo no dia 22 de outubro de 2016 quando acabara de chegar em sua residência, sendo atingido por tiros na cabeça, abdômen e tórax, sem qualquer possibilidade de defesa.

Ainda segundo a PC, a principal motivação do crime é morte por encomenda, já que a vítima era suspeita de “furtos” de gado na região (abigeato) e era o 2º da lista para morrer, já que o primeiro foi seu funcionário Manoel Oliveira Evaristo, abatido a tiros nas proximidades de sua residência na cidade de Saloá, morte ocorrida no dia 7 de outubro de 2016.

O preso Luís Januário já estava sendo procurado pela polícia há um mês e era desconhecido seu paradeiro, contudo nesta data a Polícia Judiciária recebeu informações através do Disque Denúncia (DP Saloá) resultando na localização e prisão do foragido.

Na mesma operação foi capturado um adolescente infrator, suspeito da prática de vários assaltos nas cidades de Saloá, Terezinha, Bom Conselho e Garanhuns, onde agia juntamente com seu comparsa Lucinaldo Pereira dos Santos, de vulgo “Lágrima” atualmente preso e recolhido na Cadeia Pública de Saloá, após operação também deflagrada pela equipe de Saloá.

Após as formalidades legais e realização de exame de corpo de delito, o adolescente infrator foi encaminhado ao CENIP – Garanhuns, enquanto o preso maior de idade, Luís Januário, foi recolhido na Cadeia Pública de Saloá, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.

DELEGADO ALYSSON CÂMARA RECEBE MEDALHA DO MÉRITO POLICIAL

sexta-feira, 08 de junho de 2018

O Governador Paulo Câmara concedeu ao Delegado de Polícia Civil, Dr Alysson Câmara, a Medalha do Mérito Policial. O anúncio foi feito no Diário Oficial desta quinta-feira (7), quando o governador esteve visitando o Agreste Meridional de Pernambuco.

Dr. Alysson Câmara, é delegado titular do município de Saloá, e junto com sua equipe tem realizado um bom trabalho, fazendo com que as ações de segurança pública desenvolvidas sejam reconhecidas pela população, diminuindo consideravelmente os índices de criminalidade.

Alysson Câmara, é um dos delegados que mais realizava operações exitosas em nossa região, tem uma excelente equipe e não gosta de ficar sentado.

PM PRENDE ELEMENTO QUE AGREDIU A MÃE EM SALOÁ

quinta-feira, 31 de maio de 2018

Uma mulher de 61 anos foi agredida pelo filho na madrugada desta quarta-feira (30), no bairro Jaqueirão, em Saloá, no Agreste pernambucano.

A Polícia Militar informou que Lucas de Almeida Silva, de 33 anos, quebrou o portão da residência onde sua mãe mora, agrediu ela, a esposa e uma irmã, com a chegada da PM, Lucas tentou fugir, foi preso, levado para o plantão da 18ª Delegacia Seccional em Garanhuns.

Após ser autuado em flagrante, o agressor foi encaminhado para audiência de custódia.

 

AGRICULTOR SOFREU TENTATIVA DE ASSALTO NA PE-216, EM SALOÁ

quarta-feira, 16 de maio de 2018

Um agricultor de 47 anos foi vítima de tentativa de assalto na noite desta terça-feira (15), em Saloá, no Agreste de Pernambuco.

A vítima informou a Polícia Militar que estava chegando a cidade pela rodovia PE-216, quando foi surpreendido por elementos armados em um veículo Ônix, cor clara, que efetuaram vários disparos de arma de fogo tentando fazer ele parar o veículo e chegou a colidir na traseira do carro dos assaltantes.

O homem conseguiu fugir sem ser alvejado, a PM realizou rondas mais não localizou os assaltantes.

DELEGACIA DE SALOÁ E MALHAS DA LEI CUMPREM MANDADOS DE PRISÃO

quarta-feira, 09 de maio de 2018

Na tarde desta quarta-feira (9), policiais civis da Delegacia de Saloá e Equipe Malhas da Lei, sob o comando do Delegado Alysson Câmara, deflagraram operação objetivando dar cumprimento à mandados de prisão preventiva contra criminosos que vinham agindo na cidade, conseguindo capturar a dupla Elias Lima Silva, vulgo Japa, de 34 anos e Leandro Alexandre de Lima, vulgo Leandro de Zé de Mané Egídio, de 25 anos, acusados da prática de roubo, crime ocorrido no dia 20/08/2017 na cidade de Saloá, contra um homem qual foi espancado pela dupla, resultando em fratura no braço e subtração de seus pertences.

Após as formalidades legais e realização de exame de corpo de delito, os presos foram recolhidos na Cadeia Pública de Saloá, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.

POLÍCIA CIVIL LOCALIZA OFICINA DE ARMAS EM SALOÁ E APREENDE DIVERSAS ARMAS E MUNIÇÕES

quarta-feira, 09 de maio de 2018

Na tarde desta terça-feira (8), policiais civis da Delegacia de Saloá, juntamente com agentes da 22ª Delegacia de Homicídios de Garanhuns e 8ª DENARC, sob o comando do Delegado Alysson Câmara, em cooperação investigativa e operacional, ao realizarem trabalho de acompanhamento de dois suspeitos de crimes, os quais trafegavam pela BR-423, zona rural de Saloá, ao avistarem a viatura policial, trataram logo de fazer meia-volta e tentaram empreender, fuga, iniciando-se breve perseguição e abordagem a uma moto CG 150,de cor vermelha e placa PFP-2918, pilotada por Roselmar Pereira, de 31 anos, vulgo “Ba” ou “Baba”, servente de pedreiro levando na garupa o Jose Ildo de Barros, também de 31 anos, mototaxista, ambos residentes na cidade de Garanhuns/PE, com os quais foi apreendido um revólver calibre 38, pertencente ao piloto. Com a prisão da dupla, ambos informaram que estavam seguindo para Garanhuns, provenientes da cidade de Saloá, onde foram buscar o revólver deixado para conserto na residência de um cidadão, até então desconhecido, segundo informou a Polícia Civil.

Ainda de acordo com a polícia, as equipes regressaram para a cidade de Saloá, dirigindo-se ao endereço do suposto cidadão, posteriormente identificado como José Félix, de 67 anos, vulgo “Duda”, onde para surpresa de todos, funcionava uma “Oficina de Armas”, sendo realizada minuciosa busca no local, resultando na localização  de 12 armas de fogo, sendo: 03 revólveres, 03 garruchas, 03 espingardas industriais e 03 espingardas artesanais, além de aproximadamente 60 munições de diversos calibres (fuzil 7.62, .12, .38, .32, .33, etc).

Na citada “Oficina”, também foram localizados diversos materiais/peças utilizadas para conserto e manutenção de armas de fogo, dentre ferrolhos, gatilhos, cabos, placas, tambores, etc, tendo o proprietário confessado a posse de tais materiais, armas e munições, admitindo que exercia a atividade popularmente denominada de “armeiro” há vários anos.

Ainda durante as diligências, equipes se deslocaram até a residência do detido José Ildo de Barros, em Garanhuns, local onde foi localizado outro revólver calibre 38, municiado, que estava no interior do veículo GM Corsa Classic, placa KKT-3375, estacionado em frente à residência.

Todos os envolvidos e materiais apreendidos foram encaminhados à Delegacia de Saloá, onde a dupla Roselmar e José Ildo foram autuados em flagrante delito pelos crimes de Porte Ilegal de Arma de Fogo de uso permitido, enquanto José Félix (armeiro) foi autuado pelo crime hediondo de posse/porte de munição de uso restrito e atividade equiparada a comércio ilegal de armas de fogo.

Após as formalidades legais e realização de exames de corpo de delito, os presos Roselmar e José Ildo foram liberados mediante pagamento de fiança, enquanto José Félix será apresentado em Audiência de Custódia no Fórum Judiciário de Garanhuns/PE.

DETENTO QUE CUMPRIA PENA NA CADEIA DE SALOÁ MORRE NO HOSPITAL DOM MOURA

segunda-feira, 07 de maio de 2018

Um homem que cumpria pena na Cadeia Pública do município de Saloá, no Agreste, foi internado e morreu na tarde deste domingo (6), no Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco.

A Polícia Militar informou que o corpo de Ednaldo Mariano dos Santos, de 43 anos, foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

DETENTO FOI PRESO EM SALOÁ APÓS RETIRAR A TORNOZELEIRA DE MONITORAMENTO

segunda-feira, 07 de maio de 2018

Em Saloá, no sábado (5), o efetivo da Polícia Militar ao realizar rondas na localidade, recebeu uma denúncia da localização de um possível foragido do Centro de Ressocialização do Agreste (CRA). Após localizar o suspeito, Antônio Silvestre, de 34 anos, na Cohab Nova, foi confirmado que ele era detento e havia retirado a tornozeleira eletrônica de monitoramento de preso.

Ainda segundo a polícia, ele relatou que não pretendia mais retornar à detenção. Após a prisão ele foi recambiado a cadeia de origem, em Canhotinho/PE.

CARRETA CARREGADA DE CIMENTO CAPOTA E MATA MOTORISTA EM SALOÁ

sábado, 05 de maio de 2018

Um caminhoneiro morreu na noite desta sexta-feira (4), após a carreta que ele conduzia sair da pista e capotar no Km 131, da BR-423, em Saloá, no Agreste de Pernambuco.

O acidente aconteceu na conhecida Serra dos Ventos, a vítima Valdeli Soares Pereira, de 37 anos, ficou presa as ferragens e foi retirada pelo do Corpo de Bombeiros.

A Polícia Rodoviária Federal informou que a carga foi totalmente saqueada, o corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

AGRICULTOR FOI PRESO POR PORTE ILEGAL DE ARMA, EM SALOÁ/PE

quarta-feira, 02 de maio de 2018

Na manhã de segunda-feira (1) o efetivo militar da cidade de Saloá realizava rondas com abordagens, quando se deparou com um indivíduo às margens da PE 223, próximo a uma oficina, com uma espingarda de fabricação caseira, tipo soca-soca. Durante a abordagem, ainda foi encontrado em sua cintura uma faca peixeira.

Ainda segundo a Polícia Militar (PM), o homem de 53 anos, residente no Sítio Lagoa da Jurema, na zona rural de Paranatama foi conduzido ao plantão da delegacia regional em Garanhuns e apresentado ao delegado plantonista. Foi arbitrado uma fiança no valor de R$ 350,00, como não foi paga, o agricultor foi apresentado ao poder judiciário, através de audiência de custódia.