quarta-feira, 13 de março de 2019

Justiça vai ouvir cinco presos envolvidos em homicídio no município de Lagoa do Ouro. Audiência será nesta quinta-feira (14/3).

O crime aconteceu no dia 02/10/2018 no Sítio Mocós, e teve como vítima o agricultor Paulo Nunes, de 46 anos, executado a tiros na frente da família, na casa onde morava. Dois suspeitos chegaram numa moto e mandaram a vítima deitar, em seguida atiraram na cabeça dela.

A Delegacia de Lagoa do Ouro sob comando do delegado José Custódio iniciou as investigações que culminaram com à prisão dos cinco acusados, após a justiça decretar os mandados.

Dois dos acusados foram presos no Distrito de Igapó, no mesmo município. Segundo a Polícia Civil, eles são apontados como mandantes do crime. Os demais presos também foram localizados na zona rural do município. Três deles foram presos no mês de outubro de 2018 e os outros dois no mês seguinte.

De acordo com o Delegado José Custódio, para encerrar o caso falta prender o sexto acusado, que seria um dos executores, ele foi identificado como Rafael dos Santos Ferreira, vulgo “Timão”, que encontra-se foragido.

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

DROGARIA ABRIL

DROGARIA ABRIL

madruga

madruga

prefeitura águas belas

prefeitura águas belas

banner campanha

banner campanha