domingo, 01 de agosto de 2021

Era Madruga chuvosa de primeiro de agosto de 2012 na cidade de Jupi, Agreste de Pernambuco, quando o Soldado Tadeu estava pronto com seus superiores e seus pares para uma intervenção de um grupo de assaltantes de banco.

A hora é chegada, os criminosos não se renderam, houve trocas de tiros, o Soldado Tadeu foi atingido fatalmente. Socorrido, porém não resistiu aos ferimentos.

Naquela noite fatídica a Polícia Militar, a família, os amigos, a sociedade perdiam um dos melhores guerreiros.

Márcio Tadeu era um jovem muito querido, tinha sonhos, mas em poucos segundos um tiro certeiro ceifou sua vida.

Ainda hoje choramos sua partida prematura, mas esperamos em Deus que é o autor e consumador da fé humana, um dia nos encontraremos.

Continua Descansando em Paz Tadeu, que por aqui estamos defendendo o seu legado.

Se vai um guerreiro, mais o seu legado é eterno.

Atenciosamente: Amigos Eternos de Caserna

Postado Por: Paulo Fernando

clinica

clinica

CONTADORA

CONTADORA

CURVELO

CURVELO