segunda-feira, 07 de dezembro de 2020

Uma mulher foi presa por força de mandado de prisão na manhã desta segunda-feira (7), no município de Lajedo, no Agreste de Pernambuco.

De acordo com o delegado Marcelo Francisco, a prisão é temporária e tem validade de 30 dias, podendo ser convertida em preventiva. Maria do Carmo, é a proprietária da casa onde os autores do crime que teve como vítima o adolescente Rian Roberty, estavam bebendo e que foi alvo de um disparo de arma de fogo efetuado por um morador do bairro.

Segundo o delegado, todas as pessoas que estavam na residência planejaram a execução de qualquer morador do bairro como forma de retaliação a intimidação sofrida por eles.

A Polícia Civil, segue com as investigações para prender o elemento Carlos, vulgo Kaka que efetuou os disparos em Rian e o que pilotava a moto usada no crime que não teve o nome divulgado, quem souber o paradeiro deles deve colaborar com a polícia e informar os seus paradeiros.

RELEMBRE O CASO

Um adolescente foi assassinado na noite da sexta-feira (27/11), Rian Roberty, de 16 anos, estava próximo a residência que morava no bairro do Poço, no município de Lajedo, quando apareceram dois elementos em uma moto, o garupa estava armado e atirou diversas vezes em Rian, ele correu para dentro de casa, chegou a ser socorrido e morreu a caminho do hospital.

Postado Por: Paulo Fernando


CONTADORA

CONTADORA