sábado, 24 de outubro de 2020

De acordo com informações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), duas pesquisas eleitorais estão previstas para serem divulgadas na próxima semana aqui em Garanhuns. 

O Instituto de Pesquisa Múltipla, com sede em Arcoverde, registrou pesquisa na última terça-feira, dia 20, junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e deve divulgar seus números nessa segunda, dia 26. O Estudo, realizado entre os dias 23 e 24 deste mês, foi registrado com o número PE-06103/2020, tendo sido contratado, por R$ 10 mil reais, pela empresa André Cavalcante Falabella Ltda – CNPJ nº 22.198.794/0001-82, que também é a autora do Estudo. Confira as informações clicando AQUI

Já a Simplex Consultoria Econômica e Empresarial – CNPJ nº 17.442.390/0001-52, que é sediada em Caruaru, vem entrevistando 500 eleitores aqui em Garanhuns sobre a disputa pela Prefeitura e pela Câmara Municipal. De acordo com o TSE, o Estudo foi contratado pela senhora Maria de Fátima Massilon de Aquino – CPF nº  048.413.464-7, que utilizou seus recursos próprios para desembolsar R$ 8 mil reais e pagar pela Pesquisa, cujo registro é o PE-04543/2020. O Estudo foi registrado nessa quarta-feira, dia 21, e deverá ser divulgado na próxima terça-feira, dia 27, data, inclusive da conclusão da pesquisa, segundo dados informados ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Confira as informações clicando AQUI

MORADORA DE CORRENTES CONTRATA PESQUISA – De acordo com informações trazidas em reserva ao Blog e confirmadas na Nota Fiscal emitida pela empresa Simplex Consultoria Econômica e Empresarial, que está disponível no site do TSE (clique AQUI para conferir), a senhora Maria de Fátima Massilon de Aquino, contratante da pesquisa da Simplex Consultoria por R$ 8 mil reais, reside no município de Correntes.

Ainda segundo as informações chegadas ao Blog, inclusive com documentos comprobatórios, a contratante da Pesquisa deixou de ser beneficiária de um Programa Social do Governo Federal recentemente e também não declarou o Imposto de Renda nos anos de 2018, 2019 e agora em 2020, o que pode sinalizar que não possua, pelo menos formalmente, renda média de R$ 2.379,98 por mês, já que segundo a Receita Federal, são obrigados a declarar o Imposto de Renda todos os contribuintes que tiveram rendimento anual superior a R$ 28.559,70.

Postado Por: Paulo Fernando


CONTADORA

CONTADORA