terça-feira, 29 de setembro de 2020

Agentes da 22ª Delegacia de Homicídios de Garanhuns sob a coordenação da delegada Tatiane Rossi e policiais do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil, prenderam dois homens envolvidos na morte do empresário Álvaro Fernandes.

As Prisões foram realizadas na tarde desta terça-feira (29). De acordo com o delegado Eric Costa, gestor da 3ª Divisão de Homicídios e que na época do crime era o titular da Delegacia de Homicídios, o homem que executou o empresário foi preso no dia 27/07/2020, na cidade de Caruaru, com ele foram encontradas três armas de fogo, havia a suspeita que uma das armas teria sido usada para matar Álvaro, o que se confirmou após realização de perícia balística.

Após representação contra o elemento preso e outros dois, a Vara Criminal de Garanhuns expediu mandado de prisão contra ele e outros dois que também tiveram participação no crime, um está foragido e outro foi preso.

A motivação do crime segundo a polícia foi desacordo comercial, um dos envolvidos tinha comprado uma máquina a Álvaro, a negociação não saiu como esperada e o empresário pegou de volta.

RELEMBRE O CASO

EMPRESÁRIO ÁLVARO FERNANDES É ASSASSINADO DENTRO DO SEU ESCRITÓRIO EM GARANHUNS

sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

O empresário Álvaro de Souza Fernandes, de 65 anos, foi assassinado a tiros na noite desta sexta-feira (11), em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco.

Álvaro, estava em seu escritório na BR-423, em frente a Monte Sinai Veículos, quando um homem até o momento não identificado usando boné, chegou ao local, perguntou por Álvaro e efetuou cerca de quatro disparos que atingiram ele na região da cabeça, Álvaro foi socorrido para a emergência do Hospital Regional Dom Moura mais não resistiu.

Álvaro Fernandes, era proprietário de uma empresa de Terraplanagem que leva seu nome, foi candidato a vereador e a prefeito de Garanhuns em algumas eleições, após o crime o assassino fugiu em um veículo que o aguardava, o corpo foi encaminhado para o Instituo de Medicina Legal (IML) de Caruaru, o caso será investigado pela Delegacia de Homicídios.

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

CONTADORA

CONTADORA

banner anuncie (2)

banner anuncie (2)