sexta-feira, 13 de março de 2020

Durante os dias 12 e 13/03/2020, a 22ª Delegacia de Homicídios deflagrou na cidade de Garanhuns a 4ª Fase da Operação de Intervenção Policial Tática, denominada HUNTERS 2.0 vinculada à 3ª Divisão de Homicídios do Agreste. A Operação teve como objetivo combater os Crimes Violentos Letais contra a Vida (CVLIs), com a participação e execução por parte das equipes das Delegacias de Homicídios das cidades de Caruaru, Santa Cruz do Capibaribe e Garanhuns.

Na execução, foram empregados 35 Policiais Civis, entre Delegados, Comissários, Agentes e Escrivães. Foram cumpridos 10 Mandados de Prisão contra Homicidas, sendo realizadas 04 Prisões em Flagrante e Apreendidos vários Entorpecentes, tais como 203 pedras de Crack e 17 “big-bigs” de Maconha, balança de precisão, além de produtos de roubos, tudo relacionado a crimes violentos praticados na região do Agreste.

GARANHUNS: Na cidade de Garanhuns a operação foi realizada pelos agentes de Polícia e escrivães sob coordenação do Delegado de Polícia Eric Costa Cândido.  Durante a operação Policiais Civis da 22ª Delegacia de Homicídios de Garanhuns, realizavam diligencias no bairro COHAB 3, na cidade de Garanhuns, afim de encontrarem LEOMÁRIO GONZAGA DE MOURA, suspeito de ser autor de uma tentativa de homicídio ocorrida no dia 27/02/2020 e que teria no dia anterior, realizado um roubo do veículo Motocicleta Yamaha, placa KGT-1499. No momento do Roubo, a vítima sofreu agressões que resultaram em lesões graves.

Em diligências por aquele bairro, encontraram o veículo e deram voz de abordagem.  Identificaram o condutor como sendo PAULO ROBERTO DA SILVA, que disse ter recebido a motocicleta de LEOMÁRIO GONZAGA, indicando então o local onde poderíamos encontrar outras peças do veículo. Ao chegar a esse local, a equipe encontrou LEOMÁRIO GONZAGA. Ambos os suspeitos foram conduzidos a Delegacia de Polícia de Homicídios onde a vítima reconheceu LEOMÁRIO GONZAGA como autor do Roubo.  

Enquanto os procedimentos eram realizados, a equipe recebeu informações de populares de que a arma do crime estaria escondida em uma residência localizada na Rua dos Operários, bairro Liberdade, na cidade de Garanhuns. De posse dessa informação a equipe da 22ª Delegacia de Homicídios se dirigiu ao local e após verificar que a residência era utilizada também como ponto de venda de drogas, optaram pela entrada na casa. Após buscas, no local foram encontradas 173 “pedras” de crack, 01 balança de precisão, R$ 828,00 (oitocentos e vinte e oito Reais). No local, foram presos DENISE NUNES DA SILVA e ALISSON DA COSTA.

Diante dos fatos, LEOMÁRIO GONZAGA DE MOURA foi autuado por Roubo Majorado, PAULO ROBERTO DA SILVA foi autuado pelo crime de Receptação qualificada, DENISE NUNES DA SILVA E ALISSON DA COSTA autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Em depoimento, LEOMÁRIO GONZAGA confessou a autoria do homicídio tentado ocorrido no dia 27/02/2020.

A motocicleta, após os trâmites legais, será devolvida ao seu legítimo proprietário.

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

prof marcio

prof marcio

CONTADORA

CONTADORA

banner anuncie (2)

banner anuncie (2)