COLISÃO MATA HOMEM E DEIXA TRÊS PESSOAS FERIDAS NA BR-424, EM PEDRA

sexta-feira, 17 de janeiro de 2020

Um homem de 39 anos morreu e três pessoas ficaram feridas, após uma colisão entre dois veículos, na tarde desta sexta-feira (17), no município da Pedra, no Agreste de Pernambuco.

A colisão frontal ocorreu no Km 26 da rodovia, os feridos foram Walmir Alves da Silva, Maria das Graças Soares da Silva e Maria Rejane da Silva, eles foram socorridos para o hospital de Venturosa, a vítima fatal foi Luiz Adailton Costa Carvalho, que residia no município de Pesqueira, o corpo dele foi removido para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

PICAPE FURTADA DE FRENTE A RESIDÊNCIA NA ZONA RURAL DE PEDRA

quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

Elementos não identificados praticaram um furto durante a madrugada de terça-feira (14) no Sítio Praxinaman, na zona rural do município de Pedra/PE.

O proprietário do veículo Toro Freedom, branca, de placa PCM 9612, informou à polícia que deixou a picape estacionada de frente a sua residência como de costume, porém, ao amanhecer, percebeu que ela não estava. Um Boletim de Ocorrência (BO) foi registrado na delegacia da cidade para que possa investigar o furto.

BANDIDOS INTERCEPTAM MULHERES E ROUBAM MOTO NA BR 424, EM PEDRA/PE

sexta-feira, 10 de janeiro de 2020

Duas mulheres foram assaltadas quando trafegavam pela BR 424 no município da Pedra, por volta das 20h30 de quinta-feira (9). Elas estavam numa motocicleta Biz, 125, prata, de placa QYC 9071, quando foram surpreendidas com a chegada de dois elementos numa moto escura. Um deles portava um revólver e anunciou o assalto.

Das vítimas ainda foram roubados dois aparelhos de celulares e uma quantia de R$ 100.

As mulheres informaram ao policiamento local, que após o assalto os bandidos desapareceram com destino a cidade de Arcoverde/PE no sertão Pernambucano.

MORRE NO HOSPITAL DA RESTAURAÇÃO AGRICULTOR QUE SOFREU ACIDENTE NA ZONA RURAL DE PEDRA

segunda-feira, 28 de outubro de 2019

Um agricultor sofreu acidente na tarde do último sábado (26), na zona rural do município da Pedra, no Agreste de Pernambuco.

Valmir Lopes da Silva, de 41 anos, perdeu o controle da moto que conduzia no Sítio Lagoa do Meio, sofreu ferimentos graves e foi socorrido para o Hospital da Restauração, em Recife, recebeu os primeiros socorros e morreu na madrugada deste domingo.

O corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal.

HOMEM FOI ENCONTRADO ASSASSINADO NO LOTEAMENTO ACAUÃ, EM PEDRA/PE

segunda-feira, 09 de setembro de 2019

Populares que passavam na manhã de domingo, 08/9, pelo Loteamento Acauã no município de Pedra, Agreste de Pernambuco, encontraram o corpo de um homem que havia sido assassinado a tiros, possivelmente durante a madrugada.

As policias locais foram informadas sobre o achado, no entanto a vítima foi identificada como Marcos Carneiro de Souza, que tinha 41 anos e residia na Rua Júlio Tenório, área central da cidade de Pedra/PE.

Ainda segundo a polícia, investigações preliminares dão conta que a vítima havia furtado um galo de briga que estava avaliado em 3 mil reais. Também há informações que Marcos estava se desentendendo com pessoas vizinhas ao terreno onde colocava uma égua, animal o qual tinha como meio de transporte e trabalho.

A Polícia Civil encaminhou o corpo da vítima ao Instituto de Medicina Legal (IML) e iniciou as investigações sobre o crime.

ARMADOS COM REVÓLVER ELEMENTOS ROUBAM MOTO EM PEDRA/PE

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

Criminosos armados com um revólver tomaram uma moto de assalto nas proximidades do hospital da cidade de Pedra/PE.

Era início da madrugada de quinta-feira (29) quando a vítima foi surpreendida pelos elementos que anunciaram o roubo e levaram a motocicleta Bros de placa PFI 2984.

O policiamento local foi comunicado do roubo, mas não conseguiu encontrar os assaltantes.

PRESO EM PEDRA, ACUSADO DE PRATICAR HOMICÍDIO

sexta-feira, 28 de junho de 2019

Policiais civis da Delegacia de Pedra no Agreste de Pernambuco prenderam na manhã desta sexta-feira, 28/6, um elemento morador do bairro São José, em Pedra/PE, acusado de prática de homicídio. Segundo a Polícia Civil, o crime ocorreu no dia 26 de maio do corrente ano.

Após a prisão, o indivíduo foi recolhido a cadeia pública local.

PAI DO VICE-PREFEITO DE PEDRA, NO AGRESTE, É MORTO A TIROS

quinta-feira, 20 de junho de 2019

O pai do vice-prefeito da cidade de Pedra, no Agreste de Pernambuco, foi encontrado morto dentro de um carro na manhã desta quinta-feira (19) em um sítio da zona rural do município. De acordo com a Polícia Militar, a vítima foi identificada como José Maria de Aquino, pai do vice-prefeito do município.

O corpo foi encontrado por volta das 7h30 dentro de um carro. Ainda não há informações sobre quem cometeu o crime, nem os motivos. O corpo da vítima será levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru. O caso será investigado pela Polícia Civil.

(Com informações do NE10)

EX-INTERNO DA FUNASE FOI EXECUTADO NO MUNICÍPIO DA PEDRA

terça-feira, 18 de junho de 2019

Um ex-interno da Funase foi assassinado na noite desta segunda-feira (17), na cidade da Pedra, no Agreste pernambucano.

Rafael da Silva Cavalcanti, de 18 anos, passava com amigos na Travessa Leobina Teodoro, quando foram surpreendidos por um homem armado, ele ordenou que todos se ajoelhassem e efetuou disparos de arma de fogo em Rafael, três tiros atingiram ele na cabeça e em um dos braços.

A Polícia ainda não sabe o que motivou o crime nem a autoria, o corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.

RETOMADA OBRA DA ADUTORA DO AGRESTE ENTRE OS MUNICÍPIOS DE PEDRA E IATI, NO AGRESTE MERIDIONAL

quarta-feira, 05 de junho de 2019

A obra da Adutora do Agreste ganhou um novo ritmo no trecho às margens das PE 270 e 300, além da BR-423, entre os municípios de Pedra e Iati, ambos no Agreste. A meta agora é tocar o empreendimento com agilidade, uma vez que a obra foi paralisada, no final de 2017, em virtude do encerramento do contrato vigente e da necessidade de ser realizado novo processo licitatório, além da indisponibilidade financeira de recursos por parte do Ministério do Desenvolvimento Regional. As máquinas e o assentamento das tubulações estão a todo vapor, conforme orientação do governador Paulo Câmara, para que a água proveniente dos poços de Tupanatinga cheguem aos 215 mil moradores dos municípios de Venturosa, Pedra, Buíque, Tupanatinga, Itaíba, Águas Belas e Iati.

Esse ramal da Adutora do Agreste, iniciado em junho de 2013, recebe investimento de R$ 42 milhões, recursos previstos no convênio celebrado entre o Ministério de Desenvolvimento Regional, órgão do Governo Federal e do Governo do Estado. No projeto original, essas cidades seriam beneficiadas com as águas do Rio São Francisco a partir do Ramal do Agreste, obra do governo federal que ainda não tem prazo para conclusão. “Para antecipar o uso das tubulações da Adutora do Agreste, a Compesa, por sugestão do governador, encontrou uma solução técnica para levar água para aquelas populações. Enquanto a água do Velho Chico não chega pelo Ramal do Agreste, a Compesa vai perfurar mais 16 poços em Tupanatinga, que somados aos quatro já existentes, vão produzir 200 litros de água por segundo”, explica o diretor Técnico e de Engenharia da Compesa, Rômulo Aurélio Souza. A previsão para finalizar esse trecho da Adutora do Agreste é de 12 meses, e os poços de Tupanatinga até abril de 2020.

Nesse trecho da Adutora do Agreste, serão assentados 38,4 quilômetros de tubulações, com diâmetros que variam entre 200 e 700 milímetros. Será construída uma Estação Elevatória, três reservatórios e três torres piezométricas, que são dispositivos de controle operacional das adutoras. A obra da Adutora do Agreste é o maior projeto hídrico em execução no Brasil, que vai integrar 68 municípios pernambucanos com o Rio São Francisco, além de mais de 70 distritos e localidades da região, beneficiando mais de 2 milhões de pessoas. A parte que está sendo executada é a primeira etapa e vai contemplar 23 cidades. No total, serão assentados 772 quilômetros, dos quais 550 quilômetros já foram assentados, perfazendo 67% da obra concluída. O valor do investimento da primeira etapa é de R$ 1,39 bilhão.

Segundo o diretor Rômulo Aurélio Souza, a segunda etapa da Adutora do Agreste ainda não foi conveniada e prevê o atendimento de mais 45 cidades. Para esta etapa, estima-se um investimento de R$ 1,8 bilhão, quando serão construídos 724 quilômetros de adutoras. “Apesar dos projetos técnicos estarem prontos, ainda não conseguimos formalizar o convênio que viabilizará a obra que será a redenção do Agreste, onde há períodos de seca extrema”, comenta o diretor Técnico e de Engenharia da Compesa. Ele adianta que essa etapa é um compromisso pactuado, em 2005, com o Governo Federal para Pernambuco apoiar a Transposição do Rio São Francisco.