quinta-feira, 26 de setembro de 2019

O estudante garanhuense e ativista político, Gustavo Henrique, foi vítima ontem (25) de um ataque cibernético contendo ofensas raciais contra sua pessoa.

Sem identificação alguma, em uma das mensagens enviadas pelo aplicativo Whatsapp, o criminoso disse que “Não vai deixar um macaco querer ser candidato” se referindo a pré-candidatura do estudante a vereador.

Hoje, Gustavo Henrique foi até a Delegacia de Polícia e registrou um Boletim de Ocorrência com a finalidade de investigar o caso e trazer a público quem praticou esse ataque gratuito.

“Quem em sã consciência faria isto? Esta situação não ficará assim! Acionarei os meios legais contra essa prática criminosa e covarde”, desabafou Gustavo.

Postado Por: Paulo Fernando


Isso pode te interessar também

CONTADORA

CONTADORA

CURVELO

CURVELO

ANUNCIE-2021

ANUNCIE-2021
.
.