quinta-feira, 01 de agosto de 2019

Policiais civis da delegacia de Paranatama realizavam diligências na zona rural sobre possível crime de disparo de arma de fogo em via pública, quando ao chegarem na residência do José Almeida da Rocha, vulgo “quito”, agricultor, 34 anos, ele não se encontrava, estando presente sua esposa e questionada se havia arma de fogo na residência disse que o companheiro tinha uma espingarda para caçar passarinho, porém não sabia se estava na casa, segundo informações da Polícia Civil.

Ainda de acordo com a polícia, foi perguntado se ela autorizava que realizassem buscas no interior da residência, tendo a mesma autorizado, sendo assim, foi localizado no quarto do casal, uma espingarda industrial calibre 28, municiada; uma cartucheira com 18 cartuchos do mesmo calibre, sendo que 13 deles estavam deflagrados, como também uma balaclava preta.

Como o suspeito não se encontrava na residência o material foi apreendido e instaurou-se Inquérito Policial mediante portaria.

Postado Por: Jailson Ferreira

clinica

clinica

CONTADORA

CONTADORA

CURVELO

CURVELO