segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Programação é realizada durante o mês de novembro, em que se vivencia o debate sobre a Consciência Negra 

Durante o mês em que se discute sobre Consciência Negra, a Secretaria da Mulher (Secmul) de Garanhuns promove diversas ações de debate da temática nas mais diversas esferas da sociedade com o projeto ‘Interfaces – Racismo e Violência Contra a Mulher’. Rodas de conversa em instituições privadas e públicas serão realizadas pela equipe da pasta, com o intuito de promover a inserção da prevenção à violência contra a mulher negra na sociedade. A Secmul também adere à campanha internacional ‘16 Dias de Ativismo contra a Violência de Gênero’, iniciada no Dia da Consciência Negra, 20 de novembro.

De acordo com a secretária, Walkíria Alves, é preciso discutir sobre a realidade da mulher negra dentro do âmbito social. “A violência contra a mulher é muito mais forte e negligenciada quando o ato é cometido com uma mulher negra. É preciso observar esses vieses para que possamos garantir o maior objetivo do nosso trabalho, que é garantir a justiça e equidade para todas, sem distinções”, comenta a gestora.

Na programação mensal, a secretária irá ministrar amanhã (19), uma palestra no município de Correntes (PE), a convite da Coordenadoria Municipal da Mulher. A Autarquia do Ensino Superior (Aesga) também deve receber uma palestra sobre o mesmo tema, também na terça-feira. Na sexta-feira (22), a gestora da pasta participa do Fórum de Gestoras de Políticas para as Mulheres da Região Metropolitana do Recife, na cidade de Camaragibe (PE).

16 Dias de Ativismo contra a Violência de Gênero — A campanha 16 Dias de Ativismo contra a Violência de Gênero é realizada em diversos países do mundo, com o intuito de mobilizar a sociedade civil para a prevenção da violência contra mulheres e meninas. A ação recebe o apoio da Organização das Nações Unidas (ONU) e este ano, acontece de 20 de novembro, Dia da Consciência Negra, até 10 de dezembro, em que se comemora o Dia Internacional dos Direitos Humanos, durando 21 dias no total.

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

JAILSON-AVIAMENTO-ABRIL-2019-AV

professor márcio

professor márcio